Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Serviços | Workshops de estilo de vida saudável a empresas

IMG_0697.JPG

 

Workshops de estilos de vida saudáveis em empresas, uma iniciativa que permite aos colaboradores aprenderem mais sobre alimentação saudável. Ontem foi um desses dias, em que fui falar sobre lancheiras saudáveis, ou seja, ideias desde os lanches da manhã e da tarde, às refeições principais.

 

Este tipo de workshops permite transmitir e dar conhecimento de diversas alterações que podemos fazer no nosso dia-a-dia, de forma fácil, que nos permite ter uma alimentação mais saudável, sem custar e sem nos dar trabalho.

 

Este workshop foi sobre lancheira saudável, mas existem mais temas dos quais posso falar, como:

  • Pequenos-almoços saudáveis
  • Alimentação saudável e económica 
  • Excesso de peso e obesidade
  • Lanches e snacks saudáveis 

 

Além disso, também poderei fazer um workshop com parte teórica e prática de forma a demonstrar tudo na realidade.

 

Põe-te na linha! Alimenta a tua saúde! 

LOGO_HORZ_P&V.png

 

 

 

 

 

 

 

 

Dicas | 4 erros comuns quando quer emagrecer

2017_01_Poe_te_na_linha_Profissional_web-6.jpg

Fotografia em parceria com Rita Barreto | Still Photography

 

Muitas vezes queremos perder peso, ou até mantê-lo, mas não nos apercebemos de alguns erros que por vezes fazemos no dia-a-dia e que podem influenciar bastante os nosso resultados. Por isso mesmo, hoje deixo quatro erros dos quais me apercebo que acontecem frequentemente.

 

  • Passar o dia sem comer: Se saltar refeições ou passar o dia a comer "qualquer coisa", como uma sopa e uma peça de fruta ao almoço, não vai acabar em bom resultado. Vai chegar ao fim da tarde cheio de fome, comendo demasiado ao fim-da-tarde ou até à noite. Além disso, a vontade por alimentos altamente calóricos, ricos em açúcar e em gordura vai aumentar. Quantas vezes almoçamos só uma saladinha? 

 

  • Os produtos integrais emagrecem: Não. Os produtos integrais apresentam uma maior quantidade de fibra que nos ajuda a aumentar a saciedade ao longo do dia. No entanto, e tal como os outros produtos, contêm calorias, açúcar, gordura e têm de ser comidos com contenção e de acordo com as quantidades devidas. Não vá em conversas, tenha sempre em atenção os rótulos dos alimentos, pois existe uma grande maioria de alimentos altamente calóricos. 

 

  • Ao fim de semana é o dia da asneira: Claro que ao fim-de-semana é mais propício fazermos asneiras e fugirmos à alimentação que temos durante a semana. Mas, no entanto, não podemos "estragar tudo" e estar a pensar durante a semana inteira "ao fim de-semana posso fazer o dia da asneira". Se tivermos um jantar ou um aniversario, que tal pensar "Do que está na mesa, o que é que eu gosto mais?". O importante é que coma de tudo um pouco, mas com moderação. Além disso, se houver um fim-de-semana em que não aniversários ou jantares, qual é a razão para cometer um erro alimentar? Só porque sim? Podem ver a minha opinião sobre o dia da asneira, aqui.

 

  • Sumos naturais: Quantas laranjas utilizam para fazer um sumo natural? 2 ou 3? Além da remoção da fibra presente na fruta, já pensou que se no seu plano alimentar estiver definido que pode comer 2 peças de fruta por dia, se fizer um sumo de laranja esgota as outras peças de fruta para o resto do dia. Além disso, a fruta dá imenso jeito para levar para os snacks da manhã e da tarde. Isto não quer dizer que de vez em quando não o faça :)

 

Estes são alguns dos erros comuns que são falados em consulta. É importante que em consulta exista a definição dos objetivos pessoais de cada um, criando e planeando estratégias que ajudem ao seu alcance. 

 

Uma das dificuldades que também existe é a vontade por doces. Normalmente eu acabo por me ´vingar´ em manteiga de amendoim que me acalma logo :)

 

 

Sigam a nossa página no facebook e no instagram 😍 
 

Para marcação de consultas e/ou informações:

Email: mariagama@poetenalinha.pt |

Telemóvel: +351 927 508 410

 

Põe-te na linha! Alimenta a tua saúde! 

LOGO_HORZ_P&V.png

 

Dicas | 5 truques para não petiscar tudo assim que chega a casa

2017_01_Poe_te_na_linha_Pequeno_Almoco_web-94.jpg

 Fotografia de Still Photography | Rita Barreto

 

Ora pois bem... Muitas vezes uma das dificuldades quanto à alimentação saudável é o fim da tarde, não é verdade? E porquê? Será que não pode estar relacionado com passar o dia a comer pouco ou muitas horas entre as refeições principais? Quantas vezes come 1 peça de fruta a tarde toda? Ou umas tostinhas? Ou bebe um iogurte? Pense nisso! Normalmente após esta modificação no plano alimentar as diferenças são significativas e a vontade de "comer tudo" passa. Ainda por cima a essa hora, ao fim da tarde, só apetecem coisas que não devemos: pão, queijo, bolachas etc etc...

 

Assim:

  • Não passe mais de 3h sem comer! Faça um esforço e ande com snacks ou lanches bastante práticos e que consiga comer quando não é possível fazer um intervalo no trabalho (Ideias aqui).
  • Nada de bolachinhas ou só um iogurte ao pequeno-almoço! Tem de começar bem o dia e de forma equilibrada! Papas de aveia, Ovos mexidos, Cereais integrais são alguns exemplos (Ideias de pequenos-almoços, aqui).
  • Almoce bem! Nada de saladinhas ou só uma sopa ao almoço. Ninguém se alimenta com isso, vai passar a tarde cheio de fome e assim que chega a casa...É possível almoçar bem e saudável em quase todos os sítios. Em Portugal há sempre uma forma de comer carne/peixe, acompanhar com salada/legumes e arroz, por exemplo. 
  • Se só chega a casa por volta das 19h/20h, talvez signifique que precise de dois lanches da parte da parte. Se tal não acontecer, chega a casa cheio de fome e nessa altura os alimentos que lhe apetecem podem ser ricos em açúcar e em gordura. Além disso, é importante que os seus lanches estejam bem definidos, de forma a ter prazer a comer e que mantenha a sua saciedade ao longo do dia. 
  • Sopa em casa, sempre! A minha estratégia é chegar a casa e comer logo a sopa, antes do jantar. É mesmo o melhor que fazemos. Deste modo faz com que não ande a petiscar tudo o que lhe aparece à frente. Para muitos a sopa no verão não sabe bem, mas agora não há desculpas.

  

 

 
Sigam a nossa página no facebook e no instagram 😍 
 

Para marcação de consultas e/ou informações:

Email: mariagama@poetenalinha.pt |

Telemóvel: +351 927 508 410

 

Põe-te na linha! Alimenta a tua saúde! 

LOGO_HORZ_P&V.png

 

Receitas | Esparguete de courgete e cenoura com ovo escalfado

IMG_0624.JPG

 

Aqui fica a receita tão pedida e que modestia à parte ficou ótima!! :) O truque é, pensem de que forma é que podem variar as vossas refeições, mas de forma simples e sem ser uma dor de cabeça! Este almoço ficou bem bom e foi muito fácil de fazer. Não fiz as contas desta receita, mas se pensarem, além de prática e saudável, saí bastante barata!

 

(1) ´Esparguete´ de courgete e cenoura

 

Lista de ingredientes:

  • Courgete (5)
  • Cenouras (3)
  • Alho (3 dentes)
  • Azeite q.b
  • Água q.b
  • Oregãos q.b
  • Alho em pó
  • Sal q.b

 

Método de preparação e confeção:

  • Comecem por partir os alhos em pedaços e colocar na wok com 1 colher de azeite. Normalmente junto 2 colheres de sopa de água para não fritar. 
  • Lavem os legumes (courgete e cenoura) e introduzam no Spiralizer Kenwood (dá mesmo imenso jeito, pois é uma ótima forma de variarmos o consumo de legumes na nossa alimentação). Aqui fica a minha máquina para o fazer, é só carregar para verem qual é: Spiralizer FGP203WG
  • Coloquem os legumes na wok e mexam até envolver.
  • Juntem oregãos, alho em pó e tomilho.
  • Tapem e deixem cozinhar durante cerca de 10minutos. Normalmente vou mexendo para ficar tudo bem envolvido e homogéneo. 

 

Depois de os legumes estarem quase prontos, é só abrirem os ovos e juntarem no próprio preparado, ou seja, por cima dos legumes. Uma ótima ideia para um almoço ou jantar, nutritivo, saboroso e colorido... como se quer :)

 

Põe-te na linha! Alimenta a tua saúde! 

LOGO_HORZ_P&V.png

 

Partilha pessoal | Por mais que eu queira, VOCÊS têm de querer!




Por mais que em consulta vos queira ajudar a atingir os vossos objetivos, vocês, desse lado têm de querer. É o que digo sempre, ponho tudo em mim de forma a conseguir ajudar, motivar e tentar explicar o porquê de determinadas opções. Mas antes disso tudo, tem de partir de vocês, porque por mais que esteja disponível para falar com vocês, tirar dúvidas, se não forem vocês próprios a querer mudar, nada feito!

Eu sei que às vezes já queriam sair com menos peso da consulta, mas isso não é possível! O importante perceber é que o que combinamos em consulta tem de vos fazer sentido e têm de querer manter isso para a vida toda. Ou acham que depois de atingirem os vossos objetivos faz sentido começar novamente a comer bolachas, doces, bolos e pão todos os dias e a todas as refeições...?!? Não vos pode fazer sentido, senão voltam novamente tudo atrás... não há milagres! Além da questão do peso e uma coisa que me faz confusão é a nossa saúde, a vossa saúde! Cada vez mais temos de estar atentos às opções que fazemos, às escolhas que tomamos, pois garanto que têm imensa influência na nossa saúde, nas doenças que por vezes se desenvolvem.

Por vezes sentem-se cansados? Dormem mal? Sentem-se pesados? Sem energia? Já pensaram que pode estar relacionado com a vossa alimentação? Pensem nisso...

Fazer a dieta da alface, a dieta da fruta, a dieta do limão ou o que quer que seja, tem de ser uma dieta que seja possível manterem sempre, ou seja, sustentável ao longo do tempo e da vossa vida! Acho que por vezes escrever o que sinto se torna difícil e não consigo passar a mensagem da melhor maneira, mas eu tentooo :)


Ter uma alimentação saudável não é:
  • Comer só cozidos e grelhados;
  • Deixar de comer arroz, massa, batata, ervilhas, grão, feijão;
  • Deixar de comer pão ou cereais;
  • Deixar de comer fruta, nomeadamente banana, dióspiro, manga, papaia;
  • Comer apenas um iogurte ou 1 peça de fruta ao lanche; 
  • Comer apenas uma saladinha ao almoço;
 
E acima de tudo, não é passar fome! Pelo contrário, ter uma alimentação saudável é:
  • Comer bem!!!
  • Comer todos os alimentos de forma adequada e equilibrada: Dependendo dos nossos gostos e de alguma patologia que possamos ter, podemos comer pão, cereais, lacticíneos, fruta, arroz/massa/batata, peixe/carne assada/guisada/estufada/cozida/grelhada, legumes ou saladas, frutos secos, ovos...
  • Comer frequentemente, de acordo com o nosso dia-a-dia (pequeno-almoço, meio da manhã, almoço, lanche, jantar e se necessário, ceia);
  • Incluir sopa ao almoço e ao jantar (o que é que custa? Não arranjem desculpas para não comer este alimento, ou é porque está calor ou é porque ficam cheios e já não conseguem comer o segundo prato...). Irá ajudar-nos a manter a saciedade ao longo do dia. Mas, se um dia não lhe apetecer, não tem de comer!
  • Deixar de lado alimentos processados, como bolos de pastelaria, bolachas, donuts, bolicaos etc...Podem crer que isso sim, pode ficar de lado, e para sempre! Pois não faz falta nenhuma! Não comer pão e depois comer bolos?!? Não!
  • Reduzir a quantidade de gordura que utilizamos para fazer as nossas refeições;
  • Não comer pão à refeição. E porquê? Porque já comemos ou arroz, ou massa, ou batata-doce, ou grão ou feijão... Que tal deixarmos para os intervalos das refeições?
 
Agora e importante, uma alimentação saudável inclui por vezes fazer um erro alimentar. Não é por ter um aniversário ou um casamento e comer uma fatia de bolo que deixar de ter uma alimentação saudável! O importante é saber que no dia seguinte não irá fazer novamente nenhum erro alimentar e até pode ir dar uma caminhada. Tudo com conta, peso e medida.
 
Além disso, e para terminar, ter um estilo de vida saudável e entenda-se disso praticar exercício físico, não é ir 3h para o ginásio. É sim, praticar exercício físico consoante as suas necessidades e de acordo com o que gosta. 30 minutos de caminhada 4x por semana é assim tanto? Claro que, é fundamental que seja acompanhado por um profissional de desporto que defina o que deve fazer.

Podem ver algumas fotografias em baixo das minhas refeições para terem algumas ideias do que fazer:






Espero que tenham gostado da publicação e fico à espera de temas que gostassem de ver abordados!

Põe-te na linha! Alimenta a tua saúde! 







Dicas | 5 alimentos proibidos na alimentação das crianças




Vamos lá falar de um assunto muito importante, o que comprar, ou não, quando vamos às compras para os mais pequenos aí de casa. Primeiro que tudo, temos de ir às compras ´focados´, ou seja, saber o que vamos lá fazer, o que vamos lá comprar... não ir para lá passear :) E porquê? Porque senão começamos a andar de corredor em corredor, a olhar de prateleira em prateleira e a ponderar em trazer mais alimentos dos que tínhamos programado.
Ah... e já agora, não vá nem com fome (faz toda a diferença) e não vá sem lista de compras. Ora porque se vai esquecer do que lhe faz falta, ora porque vai passar pelos corredores que não precisa. 

Além disso, aliás de muitas vezes eu achar que é melhor as crianças não irem às compras, cada vez mais acho que é fundamental irem, para estarem envolvidos neste hábito! Ou seja, irem com os pais, mas de forma a que percebam que existem alimentos que não entram no carrinho de compras.
 
  • Batatas-fritas: ´Ah.. mas às vezes não há tempo de fazer arroz então é mais fácil´...Nem pensar! Fazer arroz demora cerca de 10 minutos e se já o tiverem feito (façam em grande quantidade), não demora tempo nenhum. É só mesmo aquecer. Ninguém deve comer batatas-fritas diariamente quanto mais as crianças! É um hábito que não deve fazer parte do nosso dia-a-dia e é um alimento que não pode haver em casa!


  • Bolachas: Ninguém precisa de bolachas. Se quiser comprar alguns bolachas, aconselho as bolachas de arroz ou de arroz ou de sésamo. Bolachas maria, torrada, de chocolate ou o que quer que seja tem de ficar no supermercado! Ou seja, quando vamos às compras não passamos por este corredor.
 
  • Refeições congeladas: Eu percebo que trabalhamos muitas horas e que por vezes não há tempo para nada. Mas realmente, o valor nutricional das refeições congeladas não tem qualquer benefício à nossa saúde. Será que nos dias em que não há tempo, não pode fazer uma omelete? Grelhar um bife? Já não digo fazer um assado porque demora mais tempo... No entanto, aconselho sempre a terem legumes pré-congelados. Apesar de recomendar legumes frescos, como demoram mais tempo a preparar, pelo menos nos dias em que não tem tempo, é só cozer os pré-congelados.
 
  • Donuts, bolicaos, croassaints: Antes de mais respondam-me à questão...Qual é a razão para levarem estes alimentos para casa?!?! Este tipo de alimentos não pode fazer parte das nossas compras nem da nossa alimentação. São ricos em gordura e açúcar, tendo um valor calórico muito elevado. Não pode servir de lanches, nunca. Se precisam de ideias para lanches, vejam esta publicação. Pode crer que sai muito mais barato e que lhe faz muito melhor. Diariamente não temos noção do que este tipo de alimentos faz à nossa saúde.
 
  • Molhos (maionese, ketchup): Sabem que ao adicionar este tipo de alimentos às refeições aumentam bastante a quantidade de gordura que ingerem? Se querem refeições com sabor, temperem com ervas aromáticas ou especiarias , façam marinadas com vinho e alho por exemplo e confecionem o alimento no tempo correto. 

Aproveito para deixar aqui do EZPZ Portugal, o quais tem a missão de melhorar a vida de todas as mães e todos os pais, transformando as refeições em momentos de diversão! Tem várias características que ajuda bastante as crianças a comer (por exemplo, fica preso à mesa).

 
Sigam a nossa página no facebook e no instagram 😍 

Para marcação de consultas e/ou informações:
Email: mariagama@poetenalinha.pt |
Telemóvel: +351 927 508 410
 
Põe-te na linha! Alimenta a tua saúde! 
dicas

Pág. 1/3