20207826_i0Qbf (1).jpeg

Minha gente, amanhã por estes lados vai haver casamento e por isso é que escrevo sobre este tema hoje. Aquem sabe se por aí não há anivers´rios, festas, almoços/jantares de família… Nestes dias, não temos obrigatoriamente estragar a dita ´dieta´. Será um dia diferente, com um tipo de alimentação que não temos durante a semana, mas nestes eventos normalmente é mesmo assim! Ou seja, será difícil resistir a algumas tentações.

Por isso mesmo, é fundamental que se alimente de forma correta durante todo o dia, até à hora do aniversário. Nada de pensar “não vou comer nada para aproveitar o aniversário”, porque senão o que é que acontece?!? Apetece-nos comer ´este mundo e o outro´, o que temos de evitar! O objetivo é mesmo, se fizer um “erro alimentar”, que o faça de forma consciente, porque quer e porque ´pode´, e não porque ´estão aqueles bolos todos a olhar para si´. No entanto, também pode haver a hipótese de não pisar o risco e de conseguir manter a sua alimentação, caso seja possível.

Assim, nesse dia, o que é que é importante?

  • Fazer todas as refeições como se fosse um dia de semana. Pode aproveitar para nesse dia fazer um pequeno-almoço diferente: ovos mexidos com frutos secos e 1 peça de fruta. Nada de pensar que vai passar o dia sem comer para depois aproveitar e comer tudo, não é opção! Além disso, para conseguir controlar a sua alimentação no aniversário ou casamento, tem de comer bem durante o dia para não chegar lá esfomeado… faz sentido, concordam?
  • Não sair de casa com fome, ou seja, e dependendo da hora do aniversário, faça a refeição da manhã ou da tarde. Ou quem sabe, coma uma sopa antes de sair de casa?!!? 🙂 Qual é o problema? Só tem a ganhar com isso! Amanhã como tenho um casamento à tarde, vou tentar atrasar o meu almoço para conseguir ir satisfeita e saciada.
  • Fazer escolhas: Olhe para a mesa de aniversário e pense “daqui, o que é que realmente eu gosto?”. Vai ajudar a controlar a alimentação e a comer o que na realidade lhe faz diferença. Se não aprecia todos os doces, qual é a razão para experimentar todos? A palavra-chave é realmente moderação minha gente, moderação! Mas isso é para todos nós, não é para quem quer perder peso ou não, devia ser o que todos nós devíamos aplicar no nosso dia-a-dia!
  • Faça exercício! Pois bem, amanhã há casamento à tarde por isso mesmo como é que vai ser? Hoje vou correr (sexta-feira) e amanhã de manhã também. Já defini e está decidido! Tentem fazer o mesmo, uma caminhada, correr ou ao ginásio! Tira meia hora do seu dia para fazê-lo. Não são 30 minutos a um sábado ou domingo que lhe atrapalham a vida.
  • Levar a marmita: ahaha não gozem comigo! Mas pensem bem… Com um casamento entre a igreja e o começarmos a comer vai uma longa temporada, não acham? E se não comermos no entretanto o que é que acontece? FOMEEEEEEEE! Por isso mesmo, levar uma marmita com uns frutos secos, ovos cozidos, fruta… Para quando tivermos fome comermos e chegarmos mais ´calmos´ na hora de comer. Ou seja, se não comer nada desde o almoço até à hora das entradas/refeição estaria cheia de fome como devem imaginar. Ou seja, de certeza que a quantidade de entradas que comeria seria bastante maior. Mas não, como entradas, mas com conta peso e medida.

O mesmo se diz da própria refeição: Comer sempre a sopa que é servida. Assim, podem ter a certeza que apesar de comerem certos alimentos “fora do normal”, não comem em quantidade exagerada e o objetivo é mesmo esse. Uma alimentação saudável baseia-se nisto: Podemos comer de tudo, em quantidades equilibradas, desde que incluídas no dia alimentar de forma correta. Agora claro, quando queremos perder peso, é sempre importante que tenhamos ainda mais atenção e se possível optar pelo que realmente gostamos e não experimentar de tudo.

Amanhã vão-me ver a aplicar estas dicas todas, ora seja correr, ora seja levar a marmita!

Põe-te na linha! Alimenta a tua saúde!

LOGO_HORZ_P&V.png