Férias na praia | Refeições da Maria nestes quatro dias (Pequenos-almoços, lanches e refeições)

Pois bem, para quem me segue no facebook e/ou instagram, viu que estive estes dias de férias pela praia. Assim, vou partilhar com vocês como foram estes dias em termos de alimentação e como nos organizámos com os lanches para a praia. Como agora estamos em férias (ou grande parte de nós), acho que é sempre importante estas dicas.

Fui para o Algarve na quinta-feira de manhã e o meu pequeno-almoço foram ovos mexidos com queijo fresco e frutos vermelhos como podem ver na fotografia. É um pequeno-almoço que me deixa super saciada e era mesmo isso que eu queria. Na viagem levei bolachas de arroz e maçã para caso me desse fome. Quando cheguei, as meninas já tinham almoçado e então comi couscous com cogumelos, frango, milho e cenoura.

poetenalinha_férias na praia (12).JPGpoetenalinha_férias na praia (6).jpg

Há sempre forma de conseguirmos manter uma alimentação saudável e equilibrada quando estamos de férias (Claro que, dependendo do sítio para onde vamos, do preço dos alimentos e das refeições…eu sei disso). Mas pelo menos, ficar em Portugal e fazer um destino de praia ou de campo, dá sempre para isso. Já me tinham perguntado o que eu queria ter para comer, mas foi ainda mais fácil porque com quem fui também têm cuidado com a alimentação. No entanto, se assim não o fosso, teria eu ido às compras e teria optado pelo que como normalmente. Não pensem que vocês é que estão ´errados´, porque não! Eu tenho o direito de manter a minha alimentação saudável onde quer que seja e com quem seja 🙂

Também vos posso dizer que nas férias pode ser mais provável que existam erros alimentares devido à descontração em que estamos. E por isso também vos digo que comi um gelado. Mas e então?! Faz parte. Equilibro a seguir. Tenho refeições saudáveis a maioria das vezes, faço exercício físico. A palavra-chave é MODERAÇÃO.

Como podem ver as fotografias em baixo, as nossas refeições foram:

Pequeno-almoço: Fizeram-se as panquecas no dia anterior (aliás, até deu para mais dias) e depois estava logo pronto no dia seguinte. Acompanhei com iogurte natural e com fruta, neste caso pêssego, já que é uma fruta que gosto imenso e que está na sua época. Houve um dia em que acompanhei com ovos mexidos. Ontem o pequeno-almoço foram ovos mexidos com fruta e iogurte (esqueci-me da fotografia).

poetenalinha_férias na praia (4).JPGpoetenalinha_férias na praia (8).jpg

Meio da manhã/tarde: Levei fruta (maçãs), ovo cozido, bolachas de milho e uma salada de atum e tomate. Este tipo de snacks não dá trabalho nenhum a preparar. Cozemos logo 5 ovos duma vez, ou seja, deu para algumas vezes. O mesmo para a salada de atum, que sobrou do almoço e então foi só colocar na marmita e levar. Não acham que é fácil? Acham que dá assim tanto trabalho? Ou será que não está relacionado com o que realmente queremos levar e comer?! Hoje em dia é raro ver alguém sem lancheiras, a grande questão está na escolha que fazemos. Se olharmos ao nosso redor é bem mais provável ver sair da lancheira sandes, bolachas, batatas fritas… E ainda por cima, para quem passa o dia todo na praia (não foi o meu caso), acabam por, em termos nutricionais, as refeições não serem nada de ´jeito´.

poetenalinha_férias na praia (5).JPGpoetenalinha_férias na praia (7).jpg

Almoço/Jantar:

    • Salada de couscous com frango, cenoura e cogumelos
    • Salada de atum, tomate, alface, espinafres, ovo cozido, batata-cozida e cenoura cozida
    • Carne à bolonhesa
    • No domingo, foi como que um brunch, pelo que foram ovos mexidos com fruta e iogurte (como eu gostoooo)

Acompanhei sempre ou com salada de alface, espinafres e tomate ou legumes. No sábado fomos às compras e comprámos couve coração e courgete, foi partir tudo aos bocadinhos e colocar no tacho com água, azeite e sal. Ou seja, ficámos com um panelão de legumes. E não deu trabalho nenhum (desculpem a partilha, mas enquanto umas se iam despachando, outras iam fazendo os legumes, não foi por isso que deixámos de aproveitar menos os dias de férias).

Uma coisa que não havia era realmente sopa (e que me faz falta). Por isso, logo no primeiro dia já me estava mesmo a apetecer e então ao fim do dia depois de uma caminhada passámos por um restaurante e comemos uma sopa. A seguir fomos para casa fazer o jantar para comer. Estranho ir só comer uma sopa ao restaurante? Não me parece! Soube-me pela vida!

poetenalinha_férias na praia (9).JPGpoetenalinha_férias na praia (3).JPGpoetenalinha_férias na praia (11).JPG

E por fim, em termos de exercício físico: Corri 7Km na praia no sábado ao fim-da-tarde (que antes estava imenso calor). Ontem voltámos e já estava a pensar desde manhã que teria de ir correr, mas claro que depois de 3h de viagem não me apetecia nada. MAS sim, fui à mesma. Realmente a nossa mente é que manda e por isso mesmo pensei … ´Vais correr nem que sejam só 5 Km´ e por acaso até fiz um bom tempo, fiz 5´10.. ou seja, cada quilómetro em 5 minutos e 10 segundos. Como hoje já sabia que seria complicado ir correr (talvez ainda consiga fazer trx), ontem tinha mesmo de ir. É assim que temos de pensar! Ou seja, ter definido quantos dias por semana queremos correr, ou então, quantos dias seguidos no máximo é que não fazemos exercício e depois temos de nos obrigada. Porque realmente ´se não formos nós a fazer, ninguém faz´.

poetenalinha_férias na praia (2).JPG

E já que falamos em férias e em ´carregar´ alimentação saudável, há sacos e lancheiras super giras. Uma das minhas amigas tinha esta ´BeFit Bags´da prozis que estou a pensar seriamente em comprar. É super grande e dá para levar imensas marmitas. Ou seja, para quem tem uma família grande ou apenas para quem passa o dia todo fora de casa, pode ser uma ótima opção para conseguir transportar tudo.

Põe-te na linha! Alimenta a tua saúde!

LOGO_HORZ_P&V.png