, ,

Abóbora recheada

Estamos no Haloween e por isso mesmo aqui fica uma receita para porem em prática 🙂 

Ingredientes:

  • Abóbora (1)
  • Cebola (1)
  • Pimento vermelho (1)
  • Cogumelos (1/2 lata)
  • Miolo de camarão congelado (300g)
  • Delicias do mar (125g)
  • Queijo Philadelphia light (1 pacote)
  • Queijo mozarrela light (2 colheres de sopa)
  • Tomate aos cubos (1 lata)
  • Sal, q.b.

Modo de preparação e confeção:

  • Pré-aqueça o forno;
  • Comece por arranjar a abóbora, cortando a parte de cima e retirando as suas sementes;
  • Depois de adicionar sal a gosto, embrulhe a abóbora em folha de alumínio e ponha no forno a 180ºC durante cerca de 2h;
  • Paralelamente, corte a cebola para dentro de um tacho, coloque 1 colher de sopa de azeite e deixe refogar (também coloco vinho para não deixar a cebola fritar). Adicione o tomate em cubos;
  • Adicione os restantes ingredientes ao preparado no tacho e deixe cozinhar;
  • Quando a abóbora estiver pronta, coloque o queijo creme nas parades na abóbora e o recheio lá dentro. O queijo mozarrela light pode colocar por cima;
  • Leve ao forno por mais 20 minutos.

E voilá! Pronto! Estava ótimo 🙂 Que acham de experimentarem? 

Põe-te na linha! Alimenta a tua saúde! 

 

 

,

7 ideias de lanches escolares para os filhos

Apresento-vos a Mel, do blog Entre Fraldas e Mojitos

A Obesidade Infantil é um tema atual e de grande pertinência, uma preocupação constante e que se deve ter em conta. Antes de mais, os hábitos alimentares em casa são fundamentais para a alimentação das crianças. Os pais e educadores têm uma influência muito importante para as preferências e hábitos alimentares adquiridos durante a infância, pelo que é essencial serem o exemplo. Nesse sentido, é de extrema importância a promoção de estilos de vida saudáveis.

É fundamental que, tal como os adultos, as crianças tenham um dia alimentar saudável. Para isso devem levar lanches para a escola que lhes forneçam a energia necessária para as atividades que vão ter durante o dia. Além de prevenir o excesso de peso e obesidade, os lanches melhoram a concentração escolar, a boa disposição e o controlo do apetite ao longo do dia. Por isso mesmo, a preparação da lancheira dos mais pequenos é um assunto muito importante e para o qual os pais têm de estar informados. Tal não significa proibir tudo às crianças, mas fazê-las perceber como a alimentação saudável é importante e de que forma podem comer de tudo, desde que equilibradamente.

Muitas vezes as dúvidas dos pais prendem-se com a facilidade em conseguir transportar esses lanches. Primeiro que tudo, é importante ter em atenção o tipo de lancheira, uma vez que é importante que seja do tipo térmica para conseguir manter a temperatura dos alimentos. Além disso, se for uma lancheira alusiva e com cor, ao gosto do seu filho, será ainda mais fácil.

Deste modo, promova lanches saudáveis. Muitas vezes o lanche é oferecido pelas escolas, o que torna mais difícil controlar o que as crianças comem. No entanto, mesmo quando o lanche é preparado em casa também não costuma ser o mais adequado. Se o lanche da manhã é oferecido na escola e não existe outra solução além de o aceitar, porque não mandar um lanche saudável para a tarde?

Deixe de lado batatas fritas, bolachas maria, bolos, sumos e refrigerantes! Este tipo de alimentos não tem de estar presente em nossa casa nem na lista de compras, pois são altamente calóricos, ricos em açúcar e não trazem nada de benéfico à saúde das crianças. São alimentos práticos para transportar e que não dão trabalho a preparar, mas também existem outros igualmente práticos, mas saudáveis, ideais para incluir na lancheira dos mais pequenos.

Vejamos algumas ideias:

  • Fruta fresca (maçã, pêra, banana, laranja)
  • Lacticínios (leite, iogurtes naturais ou magro de aromas)
  • Pão escuro (centeio, integral, de sementes)
  • Frutos secos: nozes, amêndoas (pode mandar dentro de uma marmita ou em papel de prata. Mas claro, opte sempre pelos frutos secos sem sal)
  • Bolachas de arroz ou milho
  • Palitos de cenoura ou tomate cherry
  • Panquecas de aveia

E agora algumas ideias de combinações:

  • Pão escuro com 1 fatia de fiambre de peru + 1 pacotinho de leite
  • 1 iogurte líquido magro de aromas ou natural + 1 peça de fruta
  • Amêndoas ou nozes + 1 pacotinho de leite
  • Tomates cherry + Queijo fresco
  • Panquecas de aveia + 1 peça de fruta + 1 pacotinho de leite
  • 1 iogurte natural + Flocos de aveia
  • Papas de aveia:

Ingredientes:

  • Três colheres de sopa de flocos de aveia
  • 100 ml de leite de magro (pode colocar mais quantidade se gostarem das papas de aveia mais líquidas);
  • 1 colher de sobremesa de sementes de chia e de linhaça
  • Canela q.b

Modo de Preparação e Confeção:

  • Colocar as três colheres de flocos de aveia, os 100 ml de leite magro e as sementes num tacho.
  • Colocar o tacho ao lume e mexer bem até ganhar a consistência desejada. No entanto, se preferir as papas de aveia mais líquidas, pode adicionar maior quantidade de leite. Cerca de 5 a 7 minutos até ficar pronto.

Pegar num pacote de bolachas e num sumo demora o mesmo que pegar num pacote de leite e colocar flocos de aveia dentro de uma marmita. Pode mandar os lanches em marmitas ou em frascos, tudo preparado de casa.

É importante ter em conta a faixa etária da criança e as suas necessidades individuais, sendo as combinações indicadas meramente alguns exemplos. Além disso, também será importante que tente incluir as crianças na preparação das lancheiras como forma de estes ficarem envolvidos com os alimentos.

Põe-te na linha! Alimenta a tua saúde!
, , ,

3 motivos que estragam a sua dieta

Ora bem, vamos lá falar de alguns factos reais que fazem com que saia da sua alimentação saudável! Não acha que acontece muitas vezes? Deixar de ter uma alimentação saudável e de por isso, aumentar de peso, sem saber porquê? Então veja bem se estes pontos que falo em baixo não influenciam!

´Ah, hoje não tenho legumes e não vou fazer que dá muito trabalho´: Não! É meio caminho andado para os deixar de fazer, e mais grave, deixar de os comer diariamente! Tenha sempre em casa legumes congelados ou frescos prontos para ser um instante a preparar. Além disso, começar a introduzir este tipo de alimentos ao pequeno-almoço ou nos lanches da manhã/tarde, como cenouras ou tomate cherry. Sem falar da sopa, que como já sabem, não pode faltar. Se o problema for a sua confeção, porque está farto de legumes cozidos, opte por estufados, salteados ou no forno. Há sempre forma de inovar e de fazer legumes simples. Eu costumo utilizar as embalagens já preparadas frescas que é só colocar na wok ou então fazer uma salada.

 

´Não tenho tempo para ir ao ginásio e/ou caminhar´: Gente, como eu digo sempre, realmente só temos tempo para praticar exercício físico se realmente for uma prioridade para nós e quisermos mesmo fazê-lo (claro que, não estou a falar daqueles dias em que acontecem contratempos e que os nossos planos saem furados). Logo de manhã, hora de almoço, fim da tarde ou à noite, são sempre opções, consoante o vosso dia-a-dia. Agora claro, o resto do dia tem de ficar organizado se forem ao ginásio à hora de almoço, ou seja, têm de levar o almoço já preparado e pronto a comer. Além disso, nem que seja ir correr ao ginásio 20 minutos e depois aproveitam os restantes 40 minutos para um banho rápido e irem almoçar.

´Tenho um trabalho para entregar, não vou almoçar não tenho tempo´: Pois é, não almoçar não ajuda nada. E porquê? Porque depois a fome vai apertar (e não digam que não), e vão optar por comer ´qualquer coisa´, ou seja, ou uma sandes, ou um folhado, ou o que for mais fácil e estiver mais acessível. Se sabem que o vosso trabalho tem desses dias, optem por se organizar e planear, de forma a levarem uma marmita com um almoço que vos permita estar a trabalhar. Claro que o objetivo seria fazerem uma pausa para almoçar, mas se às vezes não dá, a marmita é a solução. Há imensas ideias possíveis e simples que podem ver aqui. 

Eu sei que por vezes não é fácil termos um dia alimentar como gostávamos, muito associado ao trabalho, ao stress, à pressão ou às horas tardias que chegamos a casa e com o que depois ainda temos de fazer. No entanto, acho que é importante não esquecer que não podemos desistir de nós, da nossa saúde. E qualquer alteração que consigamos fazer já é muito bom. O caminho faz-se caminhando e não de um dia para o outro, por mais que às vezes queiramos tudo para ´ontem´. E como já disse variadas vezes, a organização é mesmo, o essencial. E na minha opinião, começar a praticar exercício físico é meio caminho andando: ajuda-nos a relaxar, a abstrair do dia-a-dia, a ´não pensar em nada´ e também pensar no que queremos fazer, mudar e alterar a nossa vida… pelo menos é o que me acontece a mim… parece que quando vou correr, renasço 🙂

Uma dica para a prática de exercício físico é roupa que vos faça sentir bem: Podemos utilizar qualquer tipo de roupa para praticar desporto, qualquer coisa que esteja lá por casa serve. Mas na realidade, ora para rapaz ora para rapariga, se tivermos uma calças confortáveis, ténis adequados ao exercício, camisolas e top´s (no caso das raparigas) de uma cor gira e que nos sintamos bem, faz diferença. Apesar de achar que temos de nos sentir bem de qualquer maneira, gosto de ter uma roupa que goste para correr. Deixo aqui algumas ideias que são a minha cara, e caso queiram ver mais, é só carregarem nas imagens em baixo. Coloquei um impermeável de propósito porque como vem aí a chuva, não existirem desculpas para não fazer desporto 🙂

Põe-te na linha! Alimenta a tua saúde!
, , ,

8 exemplos de snacks para um filme na tarde de domingo

Fim-de-semana, domingo, que vontade de sentar no sofá a ver um filme. Muitas vezes, estando mais relaxados, digam-me lá se não vos apetece comer ´qualquer coisa´?!? Não dá aquela vontade de doce ou de petiscar? Eu acho que sim, ou que pelo menos é mais provável.

Assim, aqui ficam algumas ideias para vos ajudar:

  • Palitos de cenoura ou pepino + molho de iogurte
  • Mistura de frutos secos + 1 maçã verde com canela
  • 1 Queijo fresco Montiqueijo +  Nozes + 1 banana
  • Bolachas de arroz desfeitas + canela (parecem pipocas)
  • Panquecas de aveia (Receita aqui) enroladas com 1 peça de fruta e iogurte
  • Granola + 1 quadrado de chocolate negro por cima (Podem fazer a vossa própria granola, receita aqui. E caso vos apetece com chocolate, é só derreterem e colocar por cima)
  • Bolo da caneca (receita aqui). Pode fazer com cacau para dar sabor achocolatado 🙂
  • Banana aquecida com canela + frutos secos + 1 quadrado de chocolate derretido

É uma questão de pensarmos como podemos comer alguma coisa de diferente e que nos dê prazer, sem ser bolachas recheadas, donuts, 1 tabelete de chocolate etc…

 

Põe-te na linha! Alimenta a tua saúde!

LOGO_HORZ_P&V.png

, , ,

7 truques que me ajudam a organizar a semana

Hoje vou escrever sobre como organizo a minha semana. Antes de mais, e como digo, é mesmo mesmo importante conseguir ir às compras ao fim-de-semana ou tirar um bocadinho durante a semana para conseguir ir às compras. Quando consigo ter um furo durante a semana e ir ao supermercado fico tão feliz, consigo logo despachar algumas coisas que me dão imenso jeito. Se começar a minha semana sem nada no frigorífico, sem saber o que fazer para as minhas refeições principais fico um bocado stressada… porque sei que tenho de arranjar maneira de conseguir manter a minha alimentação, mas que tenho que inventar!
E por isso é que digo que meio caminho andado para conseguirmos ter uma alimentação saudável é realmente termos tudo disponível em casa, porque senão, com o trabalho que temos, com as horas tardias a que chegamos a casa, aliado ao cansaço de uma semana, secalhar é mais fácil ´sair qualquer coisa´ para o jantar.
Sendo assim, como é que me costumo organiza? Admito que não planeio as refeições semanais, apesar de saber que iria ajudar imenso nas compras! Mas, organizo-me da seguinte maneira:
Para o pequeno-almoço e lanches:
  • Ter sempre em casa: Flocos de aveia, fruta, queijo fresco, frutos secos, iogurtes, abacate, ovos…são os alimentos que eu tenho sempre em casa. E porquê? Depois de manhã é só perceber o que me apetece e juntar! Não dá trabalho nenhum e é bem rápido juntar por exemplo iogurte, fruta e sementes. Fazer ovos mexidos ocupa sempre mais um bocadinho de tempo, mas na minha opinião, não é por aí… Ou seja, não dêem hipótese para não ter alimentos em casa que vos façam não tomar o pequeno-almoço e ir ao café ou então nem comer nada de manhã!
  • Marmitas pequenas: ahaha podem crer que dá imenso jeito! E porquê? Não ocupa quase espaço nenhum e cabe nas malas e/ou pastas! Se não tiverem talvez não levem o lanche da manhã, já pensaram? Frutos secos, queijo da vaca, ovo cozido, cenouras cruas… tantaaa coisa que pode ser! Nem que seja só pegar no saco dos frutos secos e colocar na mala, tem de ser!
  • Porta-luvas com comida: E porquê? Não sei se vos acontece por vezes os vossos planos são alterados e se calhar vão mais tarde para casa, mas a mim acontece-me. E isso resulta em quê? Fome fome fome! E o que é que me safa? Os frutos secos ou as bolachas de arroz que tenho no carro! E porquê? Porque não quero mesmo passar por algum lado e ´comer qualquer coisa´.

Para as refeições:
  • Alimentos práticos e rápidos de fazer, sempre! Ora bifes de peru ou de frango, ora ovos, perna de peru, latas de atum, salmão ou dourada. São alguns dos alimentos que comprei esta semana. Só para verem, às vezes compro cerca de 1kg de bifes de frango, 5 postas de salmão e 4 douradas, ou seja, dá para vários dias caso não haja mais nada. Claro que não me apetece comer sempre a mesma coisa, mas realmente acho que por vezes, quando não há outra forma, lá terá de ser.
  • Imaginação: Como não apetece comer sempre o mesmo, que tal ter imaginação para com os mesmos alimentos, fazer refeições diferentes? Por exemplos, os bifes de frango tanto dá para grelhar como dá para desfiar e fazer uma salada fresca (ainda por cima com este tempo é mesmo o que apeteceeeee). O salmão a mesma coisa: tanto para grelhar como para fazer uma salada fria ou até um arroz de salmão. O que acham?
  • Pensar com a mínima com antecedência: Pessoal, isto é a chave! Deixar os alimentos a descongelar de manhã, o que é que custa? Senão é bem mais difícil preparar o jantar, não acham? Senão têm de optar por descongelar os alimentos no momento  através do microondas. Poderá ser uma hipótese mas seria melhor deixar a descongelar de manhã. No entanto, quando tal não acontecer a minha dica é: OVOS ou SALADA DE ATUM! Não há hipóteses para jantar sandes ou cereais, mesmo!
  • Sopa pronta: Como já perceberam sou fã de sopa tanto no inverno como no verão. Acho que não há razão para não a comer em qualquer época do ano, a não ser que esteja numa esplanada com 40ºC! Agora, para conseguir comer sempre sopa antes do almoço e do jantar ela tem de ficar pronta ou ao fim-de-semana, ou então, num dia de semana em que tenha mais tempo, senão já sei que com o trabalho que temos, ninguém a irá fazer.

Põe-te na linha! Alimenta a tua saúde!

, ,

Bolo de aveia e batata-doce

Aqui fica uma receita ´a lá Maria´ 🙂 Uma opção tanto para os vossos pequenos-almoços como para os vossos lanches. Para quem se farta de estar sempre a comer o mesmo, é uma boa opção e com ingredientes que adoroooooo: aveia e batata-doce! Experimentem!

Ingredientes:

  • 3 colheres de flocos de aveia
  • 2 rodelas de batata-doce cozida (150g)
  • 4 ovos 
  • 1 colher de sobremesa de fermento normal
  • 1 punhado de frutos secos partidos grosseiramente (amêndoas/nozes)

Modo de preparação e confeção:

  • Pré-aquecer o forno a 180ºC;
  • Colocar a batata-doce numa tigela e esmagar;
  • Juntar os flocos de aveia e os frutos secos e misturar até obter uma mistura homogénea;
  • Adicionar a os ovos e mexer. Deixar repousar cerca de 10 a 15 minutos tapado com um pano;
  • Dispor em formas (eu utilizo as formas de silicone que são super fáceis para depois o bolo sair e não é necessário colocar qualquer gordura para untar).
  • Colocar um topping de frutos secos.
  • Levar ao forno cerca de 30/45 minutos.

IMG_5485.JPG

Põe-te na linha! Alimenta a tua saúde!

, , ,

A minha semana | 5 dias da semana, várias refeições em cima da mesa

Ora bem… vamos lá falar de como foi esta minha semana. Admito que um início de semana atribulado devido ao lançamento do novo site, e por isso mesmo, alguma ansiedade e stress… Mas faz parte e o importante é sempre pensar positivo e trabalhar para que tudo corra bem! E meio caminho andando para que isso aconteça, é manter a alimentação saudável e o exercício físico, porque realmente se estes dois hábitos estiverem incorporados no nosso dia-a-dia, é mais fácil que as coisas corram da melhor forma.

Dou-vos já o exemplo de domingo, em que acordei super cansada (tive o dia todo de sábado num congresso e depois à noite tive a trabalhar no computador)… acordei sem vontade nenhuma de ir correr, mas… acordei, pensei pensei e pensei que devia ir… que só custava ir mas que depois o sentimento ia ser ótimo e me ia correr melhor o dia. Assim foi… fiz 8km (com um percalço pelo meio, que também acontece.. uma dor de barriga imensa), mas cheguei ao fim e fiquei bem mais tranquila, com mais energia e vitalidade. E como era domingo, lá fui eu a um Brunch no Nicolau Lisboa e escolhi uma taça de iogurte com granola e fruta + ovos mexidos com cogumelos e parmesão (apenas um à parte: o iogurte vinha com mel, mas eu pedi sem mel… são destas pequenas opções que se fazem um estilo de vida saudável, e não de radicalismos. Para comer uma fonte de açúcar, preferia comer uma sobremesa noutra altura em que me desse mais prazer).

E agora passando às minhas refeições durante a semana:

Pequeno-almoço: Como sabem gosto imenso de começar o meu dia com ovos, mas não o tenho feito sempre. Apesar de esta semana o ter feito algumas vezes, como podem ver em baixo. Comecem o dia da forma que mais gostam, mas dêem oportunidade a outros alimentos que não estejam habituados para verem se gostam. Podem ver nesta publicação algumas trocas fundamentais a um pequeno-almoço saudável.

Lanches: Depende muito das horas a que almoço e que janto, mas normalmente passa por frutos secos, fruta, ovos cozidos, iogurtes…Deixo aqui algumas ideias já que esta semana não tirei fotografias aos meus lanches.

Almoço/Jantar:

  • Se me seguem, devem ver que muitas vezes deixo tudo minimamente preparado. Esta semana foi desde bifes de frango grelhado com batata-doce e legumes, salada de quinoa (receita aqui) e perna de peru no forno (receita aqui).
  • Ter refeições saudáveis, não é, na minha opinião difícil. É apenas uma questão de perceberem que opções tomar. Ou deixam as coisas preparadas no dia anterior e levam para o trabalho, ou então se forem almoçar fora… tudo depende das opções que tomam, nada mais. Podem ver algumas dicas para um almoço fora saudável, aqui. A semana passada fui jantar fora e pedi polvo à lagareiro, o qual veio com legumes, batata assada e pão. Deixei o pão de lado e comi uma batata! Isto sim, faz diferença! Tal como não preciso de ir comer cozidos e grelhados para o restaurante, não preciso de optar por batatas-fritas e sobremesa.

    

 

E em termos de exercício físico?!? Tenho ido correr e uma vez por semana PT! Esta semana corri terça e quinta às 06h45 e é demais! Fico logo com o exercício despachado e não penso mais nisso, é ótimo! Quanto ao treino de PT é realmente engraçado pensar que estou em forma, mas que depois com exercícios completamente diferentes e que não estou habituada… fico toda partidinha!! ahah

 

Põe-te na linha! Alimenta a tua saúde!

 

 

, ,

Salada de Quinoa com Legumes

Ingredientes:

  • Quinoa tricolor (utilizei a da OrigensBio)
  • Abacate (1)
  • Cebola (1)
  • Tomate (1)
  • Ovo cozido (2)
  • Maçã raineta (1)
  • Coentros q.b
  • Sal q.b
  • Azeite q.b
  • Vinagre balsâmico q.b

Modo de preparação e confeção:

  • Comece por cozer 1/2 copo de quinoa. Utilizo o dobro da água para a quantidade de quinoa.
  • Reserve numa tigela.
  • Corte o abacate, a cebola, o tomate e a maçã aos cubos e junte à quinoa cozida. Mexa para envolver.
  • Pique os coentros e junte à mistura anterior.
  • Tempere a gosto. Temperei com sal, azeite e vinagre.
  • Por fim, junte o ovo cozido ao seu prato e delicie-se.

Põe-te na linha! Alimenta a tua saúde!

, ,

5 passos para um fim-de-semana saudável

Sente que o problema é ao fim-de-semana? É nesses dias que lhe apetece “pisar o risco”? Tem festas, jantares, aniversários? Pense que há sempre forma de aproveitar o fim-de-semana da melhor forma, sem deitar a perder tudo o que andou a fazer durante a semana. Claro que ao fim-de-semana é sempre mais difícil manter a alimentação que temos durante a semana, mas é possível. Além disso, o importante é quando fazemos uma “asneira”, que esta seja consciente! O que quero dizer com isto? Que não coma todos os alimentos que estão à nossa frente só porque sim!

 

1. Mantenha os horários e as refeições: Claro que, se calhar não acorda tão cedo como durante a semana, mas é importante que faça todas as suas refeições e não 3 durante todo o dia.

 

2. Não deixe o ginásio, a caminhada, a corrida ou os exercícios de lado. Se se mantiver ativo irá sentir-se muito melhor e com muito mais energia, além de ajudar a controlar o seu peso. Não se desculpe com o frio ou com a chuva, o impermeável tem a sua função! 🙂 Se sabe que vai ter um dia diferente amanhã, que tal marcar já na agenda que de manhã vai dar uma caminhada?!?

 

3. Tem um jantar ou uma festa? Não vá com fome! Se assim for, vai para o jantar e acaba por comer maior quantidade de comida. Tem de lanchar e não pensar “como vou ter um jantar não vou comer nada à tarde”. Truque: Coma uma sopa antes de sair de casa. Se for jantar fora, veja algumas dicas aqui. Se for em sua casa, há imensas formas de agradar os convidados mas com alguns cuidados na refeição!

 

4. Comeu uma sobremesa? Ao fim-de-semana a vontade de “sair da linha” é maior e pode acontecer. Se tiver um jantar e acabar por comer uma sobremesa ou um doce, não pense: Perdido por 100, perdido por 1000. Comeu, tudo bem, mas siga em frente e volte novamente à sua alimentação! Qual é o problema de comer essa sobremesa? Não pode ficar com peso na consciência e marterizar-se por isso! Se comeu, no dia seguinte vai manter a sua alimnetação e vai dar uma caminhada 🙂

 

5. Gosta de ver um filme a comer alguma coisa? Opte por snacks saudáveis: Que tal desfazer bolachas de milho ou de arroz? Ficam tipo pipocas 🙂 Mais ideias, aqui.

Durante a semana consegue manter a sua alimentação dentro dos eixos? Isso mesmo! 🙂

Põe-te na linha! Alimenta a tua saúde!

LOGO_HORZ_P&V.png