, , ,

5 dicas para não desistir da dieta

Façam uma reflexão e pensem: Quantas dietas já experimentei? Há quantos anos ando de dieta? Há quanto tempo ando a tentar perder peso?!

Começar uma dieta muitas vezes é bastante fácil, basta estarmos motivados e querermos! No entanto, mantê-la é que é a  maior dificuldade muitas vezes, concordam? Por isso mesmo é que nem gosto de chamar dieta, mas sim estilo de vida saudável! Começamos super motivados, mas se depois alguma coisa surge na nossa vida, lá vem o discurso de ´agora não estou preparado´, ´tenho uma vida complicada e não tempo para estas coisas´, ´trabalho muito e não tenho tempo´… são tudo verdades. Mas é por isso que vão começar a comer bolos a torto e a direito?! Que vão começar a beber sumos?! Na minha opinião é apenas uma desculpa.. e porquê? Porque há opções que podem fazer parte do nosso dia-a-dia e que nada têm haver com ter tempo ou não…

Assim sendo, e algumas dicas para não desistir da dita ´dieta´ (Estilo de vida saudável):

NÃO PASSE FOME: Pessoal, passar fome não é a solução para perder peso! Se por vezes a perda de peso já é uma dificuldade em termos psicológicos, quanto mais passar fome. Não queira perder peso a todo o custo, porque mesmo que perca bastante peso num curto espaço de tempo, pode não ser sustentável a longo prazo.

OBJETIVOS: É uma forma de nos levar a pensar no que queremos manter, alterar ou melhorar. A definição destes objetivos pode ajudar, e bastante, desde que realistas e sustentáveis ao longo do tempo. Por exemplo, não queiram perder 10 Kg num mês ou começar a ir ao ginásio 7x semana. E porquê? Eu sei que isso é possível, sim! Mas muitas vezes é possível à motivação que nos move e depois o resultado, quando acontece alguma coisa que não estávamos à espera, desistimos de tudo! E por isso mesmo, vejam aqui alguns exemplos:

  • Fazer atividade física 3x semana
  • Beber pelo menos 5 copos de água por dia (beber um copo de água antes ou em cada refeição)
  • Tomar o pequeno-almoço sentado à mesa 3x por semana
  • Realizar uma refeição sem sal (adicione especiarias e ervas aromáticas)
  • Não comer manteiga pelo menos 1 dia na semana
  • Ir almoçar fora só 2x semana (levar a marmita nos restantes dias)
  • Comer mais devagar e demorar pelo menos 15 a 20 minutos a almoçar
  • Comer 2 peças de fruta por dia

ALIMENTAÇÃO IDEAL: O plano alimentar que é definido para vocês tem de vos fazer sentido, é o que digo sempre em consulta! Digo sempre que ´antes de cumprirem o plano alimentar que definimos porque eu digo, têm de o cumprir porque tudo o que combinamos vos faz sentido´, pois se tal não for assim, é mais difícil que tudo corra bem.

TENHA CONSULTA MARCADA: Por vezes tenho vários clientes que tentam fazer dieta sozinhos… que procuram na internet ´como fazer dieta´e assim o fazem. Claro que é sempre importante estar alerta para opções mais saudáveis, mais conscientes, mas por vezes as opções que fazemos não são as mais corretas… e qual é a solução? O que é que vocês pensam? ´Ando aqui eu a excluir imensa coisa da minha alimentação e não consigo perder peso, então não vale a pena´! É fundamental que seja acompanhados por um profissional da área de nutrição, que vos defina objetivos e faça um plano alimentar consoante as vossas preferências alimentares.

DIÁRIO ALIMENTAR: Talvez a melhor forma de se aperceber dos erros alimentares que comete, ou então das combinações alimentares que poderiam ser interessantes alterar. Muitas vezes não nos apercebemos do que fazemos diariamente, e muitas vezes em consulta é um dos métodos interessantes a aplicar.

NÃO DESMARQUE A CONSULTA DE NUTRIÇÃO: ´Este mês não fiz nada, então não vale a pensa ir à consulta´, ´Não perdi peso, o que é que vou fazer à consulta de nutrição?´… Ora pois bem, é meio caminho andado para que as coisas não corram bem. A consulta de nutrição é um momento super importante para exista uma conversa, para que exista motivação, para que exista um compromisso e a definição de objetivos.

RETIRE OS INIMIGOS DE CASA: Quanto mais estiver à vista determinado alimento que nós gostamos muito, pior é! E falo por mim… Adoro queijo, adoro mesmo. Qual é a solução para não o atacar quando chego a casa? Não o tenho! Tenho apenas queijo fresco. É uma estratégia ótima para nos ajudar. Além disso, ter no entanto alimentos que nos satisfaçam em casa, de forma a termos prazer com a nossa alimentação dessa forma.

Põe-te na linha! Alimenta a tua saúde!

 

0 respostas

Deixe uma resposta

Deixe o seu comentário ou partilhe as suas ideias ou experiências.
Obrigada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *