, , ,

Bolachas de aveia a maçã

Que tal aproveitarem estes dias para fazerem umas bolachas de aveia e maçã? Podem também experimentar com outros alimentos, como abóbora ou marmelo, alimentos desta época! 🙂

Ingredientes:

    • Maçã cozida (2)
    • Flocos de aveia (10 colheres de sopa)
    • Sementes de sésamo (3 colheres de sopa)
    • Sementes de papoila (2 colheres de sopa)
    • Amêndoa triturada (5 colheres de sopa)
    • Farelo de trigo (5 colheres de sopa)
    • Ovos (2)
    • Azeite (1 colher de sopa)

Modo de Preparação e Confeção:

    • Pré-aqueça o forno a 180ºC;
    • Adicione os flocos de aveia, as sementes, a amêndoa triturada e o farelo de trigo mexa bem até ficar envolvido;
    • Adicione os dois ovos e mexa até ficar uma mistura homogénea;
    • Esmague a maçã cozida num prato e adicione ao preparado anterior:
    • Faça pequenas bolinhas com a ajuda de uma colher e disponha num tabuleiro de forno;
    • Leve ao forno durante cerca de 20/30 minutos

Pronto!!

Põe-te na linha! Alimenta a tua saúde!

, , ,

Partilha pessoal | A minha evolução no desporto + 6 dicas para vos motivar

Para os muitos que me acompanham e que me seguem, já devem saber que quando comecei a correr não era de todo o que gostava de fazer. Isso mudou! Faço questão de vos falar da minha evolução na corrida deste o início para perceberem que as coisas não começam de um dia para o outro e que muitas vezes também me apeteceu desistir, que o gosto que tenho agora pelo exercício físico não surgiu de um momento para o outro, mas foi surgindo. É preciso organização, motivação, e acima de tudo superação!

Para vos conseguir escrever tive a ver a minha atividade na aplicação que uso e vejam:

 

  • Outubro de 2017: 6´18 – Total de 96,76 Km
  • Setembro de 2017: 5´58 – Total de 45,34 Km
  • Agosto de 2017: 5´46 – Total de 66,55Km
  • Julho de 2017: 5´38 – Total de 81,52 Km
  • Junho de 2017: 5´38 – Total de 61,53 Km
  • Maio de 2017: 5´22 – Total de 5,44 Km
  • Abril de 2017: 5´32 – Total de 100,9 Km
  • Março de 2017: 5´48 – Total de 23,94Km
  • Janeiro de 2017: 5´20 – Total de 90,75Km
  • Dezembro de 2016: 5´18 – Total de 115,4Km
  • Novembro de 2016: 5´27 – Total de 117,9Km
  • Outubro de 2016: Média de 5´29 – Total de 99,05Km
  • Setembro de 2016: Média de 5´29 – Total de 68,70 Km
  • Agosto de 2016: Média de 5´31 – Total de 63,36 Km
  • Julho de 2016: Média de 6´21 – Total de 11,54 Km
  • Junho de 2016: Média de 6´33 – Total de 62,98 Km
  • Fevereiro de 2016: Média de 5´33 – Total de 14,04 Km
  • Janeiro de 2016: Média de 5´24 – Total de 132,3 Km
  • Dezembro de 2015: Média de 5´41 – Total de 157,3 Km
  • Novembro de 2015: Média de 6´06 – Ttotal de 31,65 Km
  • Setembro de 2015: Média de 11´54 – Total de 15,83 Km
  • Junho de 2015: Média de 5´38 – Total de 5,37 Km
  • Maio de 2015: Média de 7´26 – Total de 46,52 Km
  • Abril de 2015: Média de 6´40 (6 minutos e 40s por Km) – Total de 40,75 Km

 

Ou seja, as coisas vão-se fazendo. Há corridas em que o tempo é maior, há lesões em que temos de ficar parados durante uns meses, há dias em que estamos mais cansados, há semanas em que só conseguimos fazer duas corridas. Hoje em dia organizo-me de forma diferente e admito que priorizo o exercício físico na minha semana, mas antes não era assim. Ainda me lembro quando comecei, que consegui dar 18 voltas ao mercado de benfica e que fiquei toda radiante, toda contente!! No início chegava completamente estafada a casa e não conseguia fazer mais nada, era correr, tomar um banho e deitar-me de sofá. Mas o engraçado agora é que tal já não é assim, porque o meu corpo foi-se habituando.

Por exemplo, se repararem agora o meu ritmo é mais lento de há uns meses para cá, mas isso não quer dizer que seja mau. E porquê? Comecei a treinar em Monsanto, ou seja, deixei de correr em estrada, em piso plano. Treinar neste tipo de piso como é Monsanto exige mais de mim, é um treino mais duro e por isso é normal que a velocidade não seja tanta.

Por isso mesmo, algumas dicas para quando falta a motivação para a prática de exercício físico:

    • Se não conseguem levantar-se às 6h da manhã para pratica exercício físico (como eu), agendem uma hora ao fim-da-tarde ou à noite. O exercício físico tem de ser adaptado ao seu dia-a-dia, porque senão é sol de pouca dura! Eu agora consigo ir dois dias por semana porque combinei com amigos fazê-los e assim é o compromisso e não falto. Pode ser uma estratégia, arranjarem alguém que vos acompanhe.
    • Definam na vossa agenda os dias em que vão praticar exercício físico, ou seja, fechem mesmo esse horário para o fazerem. Assim não dá aso a que marquem outras coisas nessas horas.
    • Definam quantos dias querem pratica exercício físico: Se definem 4x por semana e por acaso não conseguem ir num dia, nem que depois vão dar uma caminhada em dois dias seguidos! Além disso, e se estão no início, não pensem logo em ir 7x semana, porque no início isso é muito bonito, mas muitas vezes não é sustentável ao longo do tempo.
    • O cansaço psicológico das horas de trabalho é completamente diferente do cansaço do exercício físico: O melhor que podem fazer depois de um dia de trabalho, de ansiedade ou de preocupação, é mesmo sair de casa e nem que seja fazer uma caminhada!
    • É difícil porque têm de preparar o jantar? Acredito porque também tenho de o fazer! Mas o segredo está na organização… Se deixarem tudo minimamente preparado de véspera, grelhar um bife ou abrir uma lata de atum não custa nada nem demora tempo nenhum! Muitas vezes já fui correr às 20h30/21h00 (agora no inverno e com a corrida de manhã já não tenho ido), e jantava sempre quando chegava a casa. Como sempre digo, se tiver que ter um arroz feito para 3 ou 4 dias, tem de ser. Podem ver aqui mais dicas para um jantar saudável quando chegamos tarde a casa.
    • Criem os vossos objetivos pessoais: Já pensaram nisso? Muitas vezes só consigo correr 30 minutos na hora de almoço e então vou à mesma e penso ´hoje vou tentar correr mais rápido para fazer um melhor tempo´. Podem escrever os vossos objetivos numa folha como por exemplo, andar 2km em vez de em 20 minutos, em 18 minutos.

 

Além disso, e ajuda sempre, vão comprar roupa de desporto vos agrade e que vos faça sentir bem enquanto o fazem, por vezes influencia e dá-nos motivação!

 

 

 

Põe-te na linha! Alimenta a tua saúde!

 

 

, ,

Ideias de BRUNCH

Sábado, um dia ótimo para variar as nossas refeições! Concordam? Sair da rotina, fazer uma refeição em família, na conversa e a contar como foi a semana… Uma boa desculpa para algum tempo passado à mesa 🙂 E hoje é o que vai acontecer por aqui. Depois conto-vos tudo tudo.
Alguns exemplos do que costumo fazer é:
  • Bolo de aveia e pera (sem açúcar)
  • Ovos mexidos: Normalmente faço só mesmo ovos simples, mas também gosto de juntar cebola e coentros. Outra ideia que também podem gostar é fazer cogumelos salteados para acompanhar, fica ótimo! É só colocar um bocadinho de azeite e alho picado na wok… deixar cozinhar, e voilá.
  • Guacamole: Por acaso nunca fui muito fã de abacate, mas pensei `epa vamos lá tentar arranjar uma maneira de gostar do sabor´e consegui… com guacamole. Se quiserem a receita, está aqui. Gosto de acompanhar com os ovos mexidos, com panquecas ou até com bolachas de arroz.
  • Panquecas: Há imensas variedades de panquecas para surpreenderem o pessoal aí de casa.. 🙂 Aqui ficam algumas receitas:
  • Waffles, receitas aqui. Gosto de comer queijo fresco, iogurte ou fruta.
  • Granola: Podem utilizar para acompanhar um iogurte natural e fruta.
  • Torradas de batata-doce, é só DEMAIS! É tão fácil de fazer e uma forma de variar. É só cortar as batatas-doces na longitudinal e colocar na torradeira, cerca de 2 a 3 vezes. Fica ótimo ou com guacamole ou queijo fresco.

Todas estas ideias são adaptáveis ao que vocês gostam. É só terem imaginação e perceber como podem fazer alterações consoantes os gostos aí de casa.

 
Põe-te na linha! Alimenta a tua saúde!

 

, , ,

5 dicas para não desistir da dieta

Façam uma reflexão e pensem: Quantas dietas já experimentei? Há quantos anos ando de dieta? Há quanto tempo ando a tentar perder peso?!

Começar uma dieta muitas vezes é bastante fácil, basta estarmos motivados e querermos! No entanto, mantê-la é que é a  maior dificuldade muitas vezes, concordam? Por isso mesmo é que nem gosto de chamar dieta, mas sim estilo de vida saudável! Começamos super motivados, mas se depois alguma coisa surge na nossa vida, lá vem o discurso de ´agora não estou preparado´, ´tenho uma vida complicada e não tempo para estas coisas´, ´trabalho muito e não tenho tempo´… são tudo verdades. Mas é por isso que vão começar a comer bolos a torto e a direito?! Que vão começar a beber sumos?! Na minha opinião é apenas uma desculpa.. e porquê? Porque há opções que podem fazer parte do nosso dia-a-dia e que nada têm haver com ter tempo ou não…

Assim sendo, e algumas dicas para não desistir da dita ´dieta´ (Estilo de vida saudável):

NÃO PASSE FOME: Pessoal, passar fome não é a solução para perder peso! Se por vezes a perda de peso já é uma dificuldade em termos psicológicos, quanto mais passar fome. Não queira perder peso a todo o custo, porque mesmo que perca bastante peso num curto espaço de tempo, pode não ser sustentável a longo prazo.

OBJETIVOS: É uma forma de nos levar a pensar no que queremos manter, alterar ou melhorar. A definição destes objetivos pode ajudar, e bastante, desde que realistas e sustentáveis ao longo do tempo. Por exemplo, não queiram perder 10 Kg num mês ou começar a ir ao ginásio 7x semana. E porquê? Eu sei que isso é possível, sim! Mas muitas vezes é possível à motivação que nos move e depois o resultado, quando acontece alguma coisa que não estávamos à espera, desistimos de tudo! E por isso mesmo, vejam aqui alguns exemplos:

  • Fazer atividade física 3x semana
  • Beber pelo menos 5 copos de água por dia (beber um copo de água antes ou em cada refeição)
  • Tomar o pequeno-almoço sentado à mesa 3x por semana
  • Realizar uma refeição sem sal (adicione especiarias e ervas aromáticas)
  • Não comer manteiga pelo menos 1 dia na semana
  • Ir almoçar fora só 2x semana (levar a marmita nos restantes dias)
  • Comer mais devagar e demorar pelo menos 15 a 20 minutos a almoçar
  • Comer 2 peças de fruta por dia

ALIMENTAÇÃO IDEAL: O plano alimentar que é definido para vocês tem de vos fazer sentido, é o que digo sempre em consulta! Digo sempre que ´antes de cumprirem o plano alimentar que definimos porque eu digo, têm de o cumprir porque tudo o que combinamos vos faz sentido´, pois se tal não for assim, é mais difícil que tudo corra bem.

TENHA CONSULTA MARCADA: Por vezes tenho vários clientes que tentam fazer dieta sozinhos… que procuram na internet ´como fazer dieta´e assim o fazem. Claro que é sempre importante estar alerta para opções mais saudáveis, mais conscientes, mas por vezes as opções que fazemos não são as mais corretas… e qual é a solução? O que é que vocês pensam? ´Ando aqui eu a excluir imensa coisa da minha alimentação e não consigo perder peso, então não vale a pena´! É fundamental que seja acompanhados por um profissional da área de nutrição, que vos defina objetivos e faça um plano alimentar consoante as vossas preferências alimentares.

DIÁRIO ALIMENTAR: Talvez a melhor forma de se aperceber dos erros alimentares que comete, ou então das combinações alimentares que poderiam ser interessantes alterar. Muitas vezes não nos apercebemos do que fazemos diariamente, e muitas vezes em consulta é um dos métodos interessantes a aplicar.

NÃO DESMARQUE A CONSULTA DE NUTRIÇÃO: ´Este mês não fiz nada, então não vale a pensa ir à consulta´, ´Não perdi peso, o que é que vou fazer à consulta de nutrição?´… Ora pois bem, é meio caminho andado para que as coisas não corram bem. A consulta de nutrição é um momento super importante para exista uma conversa, para que exista motivação, para que exista um compromisso e a definição de objetivos.

RETIRE OS INIMIGOS DE CASA: Quanto mais estiver à vista determinado alimento que nós gostamos muito, pior é! E falo por mim… Adoro queijo, adoro mesmo. Qual é a solução para não o atacar quando chego a casa? Não o tenho! Tenho apenas queijo fresco. É uma estratégia ótima para nos ajudar. Além disso, ter no entanto alimentos que nos satisfaçam em casa, de forma a termos prazer com a nossa alimentação dessa forma.

Põe-te na linha! Alimenta a tua saúde!

 

, , ,

3 dicas para combater o cansaço e fadiga

Quantas vezes se sente cansaço e o dia nem foi cheio de trabalho? Uma sesta a seguir ao almoço? Quantas vezes? Acho que muitos de nós não pensa nisso, mas uma correta alimentação é fundamental para contrariar todo esse cansaço. Ou seja, e tendo nós cada vez mais stress, mais horas de trabalho e menos tempo, temos de conseguir alterar a nossa alimentação, privilegiando uma alimentação saudável e equilibrada diariamente. Podem crer que influencia bastante a vossa energia, a vossa vontade de acordarem de manhã, a vossa vontade de praticar exercício, a vossa paciência etc etc… E assim:

  • Distraia-se: Fora do trabalho, tem de arranjar alguma atividade de que goste e que lhe dê prazer. Que o faça rir 🙂 Pense assim… sem ser trabalhar, o que é que faço que me dê prazer? Depois do trabalho, o que se imagina a fazer? Dançar? Correr? Nadar? Pense nisso. Muitas vezes a ideia de praticar algum exercício físico gera stress, muitas vezes porque associamos à necessidade de ir 2h para o ginásio etc… Porque não começar a fazer 20minutos de caminhada? É assim tão difícil? Muitas vezes estou mais cansada, mais chateada e sem muita paciência. E garanto-vos, não me apecete mesmo ir correr..mas depois obrigo-me e no fim sinto mesmo que foi a melhor coisa que fiz.
  • Durma bem: É fundamental que durma pelo menos 7h. Quantas vezes, e relacionado ao facto de passar horas no trabalho e querer relaxar, fica sentado no sofá atá tarde e acaba por dormir pouco? Ou então vai dormitando, Tente estipular horários de forma a que consiga ter uma noite bem dormida. Sei que muitas vezes não é fácil, mas realmente devemos fazer um esforço.
  • Alimente-se bem: Eu bem sei que por vezes é difícil. Ora porque não temos tempo, ora porque temos filhos para cuidar, ora porque não temos paciência. Mas a verdade é… se não formos nós a querer fazer, quem fará? O que custa mais é mesmo a organização, o pensar de que forma consegue começar a ter a sua alimentação saudável. Depois disso, torna tudo mais fácil.

Põe-te na linha! Alimenta a tua saúde!

LOGO_HORZ_P&V.png

Vídeo | Como fazer panquecas de aveia

 

 

 

Um vídeo muito simples para quem tem dúvidas em como fazer panquecas 

 

 

 

Depois é só ter imaginação: variar os ingredientes, o recheio e os toppings 

 

 

 

Põe-te na linha! Alimenta a tua saúde! #poetenalinha

 

LOGO_HORZ_P&V.png

 

 

, ,

5 trocas fundamentais para um pequeno-almoço mais saudável

Ora vamos lá falar da primeira refeição do dia, o pequeno-almoço. Têm dificuldades em escolher o que comem de manhã? Que combinações podem fazer? Coloquem todas as vossas questões em comentários
Há imensos aspectos fundamentais que devemos ter em atenção no pequeno-almoço, e que muitas vezes não nos apercebemos de que estamos a fazer mal. É fundamental fazer determinadas trocas que nos irão permitir ter uma vida mais saudável e caso exista a vontade de perder peso, vai também ajudar.

Escolha pão escuro e deixe o pão branco de lado. Não pense em trazer “apenas um”, que está mesmo quentinho, para aquele dia. Opte por pão de sementes, integral, de centeio ou de mistura.

Cereais de pequeno-almoço? Opte por flocos de aveia. cereais de pequeno-almoço, muitas vezes incluídos na nossa alimentação, já para não dizer diariamente. A maioria dos cereais são uma bomba de açúcar, ou seja, é fundamental que tenham atenção à ingestão desse alimento no vosso dia-a-dia. É fundamental que o nosso pequeno-almoço (como todas as nossas refeições) não seja rico em açúcar! Se quiserem ver a publicação sobre os rótulos de cereais de pequeno-almoço, vejam aqui.

Se bebe leite, opte por leite magro simples: Nada de leite com chocolate, nem que seja um ´bocadinho´. Esse tipo de alimentos não são para entrar em nossa casa pois não nos fazem bem nenhum. Se não gostam de leite simples, experimentem por exemplo com canela ou com café. Eu como não gosto de leite, simplesmente não o bebo.

Iogurtes? Naturais ou de aromas, sem pedaços! O truque é optar sempre sempre pelo mais simples. Por isso mesmo, não há cá iogurtes com pedaços ou com sementes. Todas as adições que queiram fazer, façam-nas em casa. Só o facto de comprarmos iogurtes com pedaços ou com sementes já aumenta a quantidade de açúcar presente nesse alimento. Se quiserem ver a publicação sobre os rótulos de iogurtes, vejam aqui.

Laranja em vez de sumo de laranja: Quantas laranjas utilizam para fazer um sumo natural? 2 ou 3? Além da remoção da fibra presente na fruta, já pensou que se no seu plano alimentar estiver definido que pode comer 2 peças de fruta por dia, se fizer um sumo de laranja esgota as outras peças de fruta para o resto do dia. Além disso, a fruta dá imenso jeito para levar para os snacks da manhã e da tarde.

Já viram o E-book que lancei? Tem lá 12 receitas exclusivas de pequeno-almoço para experimentarem! É só acederem por aqui.

Põe-te na linha! Alimenta a tua saúde