, ,

3 truques para combater a obesidade infantil

Os hábitos alimentares em casa são fundamentais para a alimentação das nossas crianças. Ou seja, os pais e educadores têm uma influência bastante importante para as preferências e hábitos alimentares das crianças. Nesse sentido, é fundamental que consigamos promover estilos de vida saudáveis. E não, não me refiro a proibir tudo às crianças, mas fazê-las ver que temos de comer equilibradamente e de tudo um pouco.
Dicas:
  • Horários definidos para as refeições em família: É o momento em que todos nos juntamos e partilhamos como foi o nosso dia. É o momento em que as crianças vêm os adultos a comer, e por isso mesmo, essencial para fazer escolhas acertadas.
  • Todos comem sopa, e não só  as crianças. Os pais são um exemplo, pelo que não vale de nada obrigar as crianças a comerem sopa se nunca o faz. O mesmo se passa para o consumo de hortícolas e verduras.
  • Se a criança não gosta de um alimento à primeira, não desista. Dê-lhe a experimentar cerca de 10 vezes. Pode sempre confeccionar de diversas formas para ganhar novos sabores e texturas.
  • Não opte pela recompensa alimentar! As crianças têm de ter uma alimentação saudável todos os dias! Não podem ver o consumo de legumes ou verduras associada a um presente.
  • Limites! Os alimentos menos saudáveis, normalmente ricos em açúcar em gordura devem representar a exceção e não a regra.

Se quiser ver mais publicações, aqui ficam algumas, é só carregar:

– Dicas para as crianças comerem fruta e legumes

– Dicas para pequenos-almoços saudáveis

– Lanches saudáveis para crianças

Não se esqueçam de me seguir no Facebook, Instagram, Youtube 🙂 Além disso, para estarem sempre a par de todas as publicações, receitas e workshops, subscrevam as notificações no site, que é só carregar na campainha do lado direito em baixo na página principal do site. Para saberem informações sobre as consultas de nutrição ou marcações, é só enviar email para mariagama@poetenalinha.pt.

Põe-te na linha! Alimenta a tua saúde!

 

0 respostas

Deixe uma resposta

Deixe o seu comentário ou partilhe as suas ideias ou experiências.
Obrigada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *