4 truques para fazer legumes sem perder muito tempo

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on whatsapp
Share on email

Uma das grandes questões que me colocam em consulta acaba por ser o desafio de ter sempre legumes prontos para as refeições. Percebo que não seja fácil toda a logística, tendo em conta tudo o resto que precisamos de preparar, mas é possível. Aliás, e começando pelo início, depende da lista de compras e de tudo o que levamos para casa… concordam?!

Como sabem, eu tento sempre facilitar a minha vida na cozinha, de forma a não passar horas a fio a cozinhar e porque o tempo, hoje em dia, ainda é menos.

Voltei às newsletter e por isso mesmo convido-vos a subscrevê-la, de forma a estarem a par de todas as minhas novidades, partilhas e desafios.

  • Tudo cortado: Acho que isto facilita imenso. Se tiver os legumes cortados dentro das marmitas, no frigorífico, depois é só mesmo pegar e cozinhar. Claro que têm de ´perder tempo´ a cortar os legumes, mas podem aproveitar algum tempo morto enquanto estão a fazer o jantar, entre o jantar e ir para a mesa, ou até quem sabe, quando dividir por dias… 🙂
  • Forno: Um dos truques que utilizo cá em casa é tentar, sempre que faço um prato de forno, aproveitar para fazer legumes também. Ou juntamente com o que estou a cozinhar, ou num pirex ou tabuleiro à parte. Acabo de não ter que estar constantemente a ´olhar´ para os tachos (vou só mexer) e além disso ficam muito saborosos. Normalmente utilizo azeite, tomilho e por exemplo, sumo de limão.

Aqui vos deixo algumas das combinações que costumo fazer cá em casa:

  • Couve coração, pimento e alho francês
  • Cenoura, alho francês e cebola
  • Brócolos, cebola e cenoura
  • Abóbora, cebola e tomate
  • Couve roxa, pimentos e cebola
  • Beterraba, abóbora e curgete
  • Descomplicar: Cozinhar os legumes misturados diretamente com a refeição em si. Por exemplo, quando faço um bacalhau no forno, coloco os legumes em baixo, depois o bacalhau, tempero e vai tudo ao forno (pode ver aqui). Com o red fish também faço a mesma coisa, como podem ver nesta receita. Ou seja, e imaginando que utilizam a primeira dica, é só tirar do frigorífico, cobrir o pirex e depois colocar a carne/peixe em cima ou ao lado.
  • Aproveitar o tempo na cozinha: Apesar de hoje em dia já gostar de cozinhar, não gosto de passar horas a fio de volta dos tachos. Por isso mesmo, sempre que vou para a cozinha, tento aproveitar o tempo ao máximo. Imaginemos de quero fazer uma sopa: em vez de cortar legumes apenas para a sopa, aproveito e corto logo para fazer uns legumes salteados… e faço ao mesmo tempo. Imaginemos que vou fazer umas panquecas, sou capaz de colocar logo legumes a cozer ou saltear (mesmo que ainda tenha no frigorífico, porque assim garanto que não vão faltar).
  • Legumes congelados ou já arranjados: Pois é, cá em casa também compro legumes congelados para ser mais fácil nos dias em que não há tempo. Num dia em que chegue tarde, que não tenha nada preparado ou que até não tenha paciência, não há nada melhor… é só pegar nos legumes congelados e pôr a cozer. Por vezes, também compro as embalagens de legumes prontos a utilizar, que facilmente me permitem fazer uns legumes salteados, por exemplo. Tentem ao máximo facilitar a vossa vida.

Para quem não sabe, tenho vários e-books, que podem adquirir aqui

Um beijinho,

Maria

Os mais vistos

Ebooks

Previous
Next

Newsletter

.

Sigam-me

Instagram

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *