Posts

, ,

6 dicas para perder o peso que ganhou nas férias

Hoje não tem tempo para almoçar, vai ao café e come só uma sopa e um sumo. Amanhã come bacalhau com natas ao almoço e não faz a merenda da tarde porque ficou muito cheio. Depois de amanhã, uma vez que comeu bacalhau com natas no dia anterior, almoça novamente uma sopa e um sumo, e como não ficou satisfeito, mais um rissol. Se a sua alimentação é assim, está na hora de a revermos e irmos pelo caminho correto.

Vamos lá:

  • Chega de adiar: Diga não ao bolo do pequeno-almoço! Diga não ao pastel de nata com o café! Diga não às entradas e doces na sobremesa! Diga não aos petiscos quando chega a casa! Não deixe o seu pensamento “hoje não me apetece, vou amanhã”, tomar conta de si, e saia de casa para praticar atividade física. Além disso, nada de restringir a sua alimentação ao máximo durante a semana para depois ao fim-de-semana deitar tudo a perder, essa não é de certeza a solução mais acertada. Lembre-se: Alimentação saudável diariamente.
  • Crie rotinas alimentares: Durante as férias parece que fica tudo desregulado e por isso mesmo tem de voltar a organizar-se. Comer de três em três horas e não sair de casa sem tomar o pequeno-almoço é fundamental.
  • Almoce bem: Nada de almoçar apenas uma saladinha ou uma sopinha! Pode sim, iniciar as refeições com uma sopa de legumes, mas comer de seguida o prato principal. Entradas? Peça um queijo fresco ou uma salada.
  • Não há desculpas para não fazer o lanche da tarde: Senão o fizer, vai acabar o dia a petiscar tudo o que tem em casa. Há snacks super práticos e que é só colocar na mala! Iogurtes, Bolachas de milho/Arroz, Pão escuro, Frutos Secos são alguns exemplos.
  • Planeie e facilite: A alimentação saudável deve ser uma rotina e um hábito diário. Por isso mesmo, facilite e inclua os alimentos que contribuem para os seus objetivos. Encha o frigorífico de alimentos saudáveis e deixe-os à vista; prepare as suas refeições com antecedência e não faça da sua confeção um sacrifício.
  • Exercício: Pode não gostar de ginásio ou de correr, mas pode apenas fazer caminhadas. O importante é, na verdade, que se mexa! É fundamental tanto para o seu bem estar físico como também para a sua perda de peso. Pode começar devagarinho, como por exemplo, subir as escadas do prédio… defina três dias na semana para ir dar uma caminhada… crie compromissos!

Não se esqueçam de me seguir no Facebook, Instagram, Youtube 🙂 Além disso, para estarem sempre a par de todas as publicações, receitas e workshops, subscrevam as notificações no site, que é só carregar na campainha do lado direito em baixo na página principal do site. Para saberem informações sobre as consultas de nutrição ou marcações, é só enviar email para mariagama@poetenalinha.pt.

Põe-te na linha! Alimenta a tua saúde!

, ,

9 truques para perder peso de forma saudável

Perder peso, tanto no inverno como no verão, deve ser de forma saudável e duradoura! 🙂 Sabem qual é o problema? É pensar que a cenoura ou que a banana engorda… mas não pensar que o pastel de nata ou o palmier engordam! Ou seja, haver estas questões quando em NADA tem a ver um alimento com outro! Queiram perder peso por um estilo de vida mais saudável, por vocês… pela vossa saúde!

E assim, que tal seguir algumas dicas para uma perda de peso saudável?

  • Não pense em dieta, mas sim numa alimentação saudável. Quando pensa “tenho de fazer dieta”, existe logo uma conotação negativa com esta palavra. As variações bruscas de peso não são saudáveis. Se começar a mudar alguns dos seus hábitos alimentares ao longo de tempo, irá perder peso sem esforço e de acordo com a sua vontade. Deste modo, e quando estiver mais próximo da época balnear, estará com o peso que pretende e não necessita de realizar uma dieta extrema e radical … Lembre-se: Alimentação saudável durante o ano, e não dieta de 2 ou 3 meses.

 

  • Motivação: O primeiro passo para a perda de peso depende de si. É fundamental que esteja motivado e que tenha força de vontade para as alterações necessárias no seu dia alimentar. Claro que, com a ajuda de um profissional de nutrição;

 

  • Família/Amigos: Quando estiver a pensar perder peso, partilhe com a sua família e amigos essa vontade, será muito mais fácil com o seu apoio. Tente fazê-los perceber que é fundamental a sua ajuda, e que será necessário que também contribuam com algumas mudanças, como por exemplo, deixar de comprar bolos e doces para casa, pois de outra forma poderá não conseguir resistir;

 

  • Comece por fazer pequenas alterações no seu dia-a-dia. Ex: Fraccione sempre as suas refeições, comendo de 3.30h; prepare as suas merendas da manhã e da tarde antes de sair de casa; compre só o necessário para casa (não coloque em questão haver festas ou jantares em casa); inicie a sua refeição com um prato de sopa;

 

  • Inicie uma atividade física: Mesmo que seja pouco, é melhor que nada. Comece devagarinho a fazer uma caminhada 3x por semana ou inscreva-se na natação ou no ginásio. Pratique atividade física de acordo com os seus gostos pessoais e sem se sentir obrigado (Ex: Se não tem tempo para caminhar, compre uma passadeira e quando vê televisão pode aproveitar para andar 10 minutos. Não gosta? Coloque um pacote de arroz em cada mão e faça levantamento do peso). Em baixo tem alguns artigos de desporto em desconto, pode ver se carregar:

 

  • Não desanime! Cada passo é um passo, e não precisa de perder o peso todo de uma vez. Cada objetivo cumprido tem de ser um motivo de entusiasmo para si. Crie objetivos semanais: Quer ideias? Veja a publicação aqui.

 

  • Não seja radical! Ter uma alimentação saudável não significa tirar da sua alimentação o que mais gosta. Mas claro, começar a ter contenção no que come e fazer alterações alimentares são dois passos importantes;

 

  • Não se faça prisioneira da balança aí de casa. Não tem de se pesar constantemente, isso acabará por trazer ansiedade e nervosismo.

 

  • Não se esqueça, o acompanhamento por um profissional de nutrição é essencial para a adaptação do seu dia alimentar às suas necessidades energéticas, ou seja, a criação de um plano alimentar individualizado. Não tente fazer dietas sozinho, por vezes as escolhas não são as mais corretas e poderão resultar em problemas de saúde. Antes de começar, informe-se com um profissional de nutrição e tire todas as suas dúvidas… Quando estiver preparado, comece!

 

Põe-te na linha! Alimenta a tua saúde!