, , , ,

3 TRUQUES FUNDAMENTAIS PARA COMER BEM NO CENTRO COMERCIAL/RESTAURANTE

Comer fora de casa é cada vez mais frequente, o que muitas vezes é um impedimento para começar uma perda de peso ou não ter uma alimentação saudável e equilibrada. Neste sentido, é fundamental que cada um de nós se consciencialize para escolhas alimentares saudáveis quando as refeições não são em casa.

É possível fazer escolhas alimentares saudáveis. Temos de ter em atenção o local escolhido restaurantes/cafés/pastelarias), bem como os pratos que constam no menu. Malta, eu peço desculpa, mas nós só fazemos as escolhas que quisermos… porque em Portugal é super fácil ir a um sítio qualquer e ter uma sopa (mesmo que tenha batata), um peixe ou uma carne, acompanhamento e legumes ou salada… Para mim, sinceramente, isso não é desculpa! E no centro comercial a mesma coisa… podem existir opções não tão saudáveis, mas também existem saudáveis… Ou seja, só vão comer onde realmente quiserem.. isso é diferente de na REALIDADE não existirem opções. Não sou pessoa de almoçar muito fora, mas quando o faço, não me queixo. Já fui à Padaria Portuguesa (pedi sopa e uma salada), já fui ao Vitaminas (sopa e salada), Nova Peixaria (Salmão grelhado com arroz e legumes), H3 (Hambúrguer com arroz e legumes ou salada)…

Escolha bem o restaurante: Escusado será dizer que é o primeiro passo para conseguirmos ter um almoço/jantar saudável e equilibrado no shopping passa por escolhermos corretamente o local onde vamos comer. E, sinceramente, na minha opinião não é assim tão difícil encontrar um local onde exista uma refeição minimamente saudável, ou seja, carne/peixe, arroz/batata e legumes ou salada. Claro que, a forma como é cozinhado e os ingredientes que são utilizados são um fator importante, e que neste caso, não conseguimos controlar. Desde saladas a hambúrgueres grelhados, há uma panóplia imensa. O problema está nos croquetes como entrada, molhos que acompanham com o pão, nas batatas-fritas, no pão à refeição, no ovo estrelado, nas lasanhas ou nas massas com natas e nas sobremesas… O problema não é não comerem grelhados ou cozidos ao almoço/jantar. Admito que para conseguirmos encontrar um restaurante que se adecue é difícil, porque a maioria passam por pizzas e hambúrgueres no pão, mas há possibilidade.

Deixe os molhos de lado: Ora bem, até optamos por comer uma salada super mega saudável mas depois perguntam-nos qual é o molho que queremos por cima. Aí está o problema. A resposta é que temperam a vossa refeição. No fim do pagamento normalmente existe sempre azeite, vinagre, oregaõs… Optem por essa solução. As saladas ficam saborosas à mesma e é uma questão de hábito.

Entradas = Sopa: Todos os problemas fossem as sopas com batata quando comparado às entradas que muitas vezes nos servem. Mais vale comerem uma sopa do que optarem pelas entradas, mesmo que seja apenas um rissol ou um croquete. Além disso, ajuda-nos a manter a saciedade durante o dia e a diminuir a ´ansia´ para o prato principal. Muitas vezes quando vamos almoçar já vamos cheios de fome e colocam logo o cesto de pão à nossa frente. Mandem para trás e peça, uma sopa! Claro que também podem ter atenção ao tipo de sopa que existe, preferindo uma boa sopa de legumes.

Sem pão: Podem existir alguns pratos que vêm acompanhados por pão. Muitas vezes o problema não está na própria refeição, mas sim nos seus acompanhamentos. Se já acompanhamentos a refeição com arroz ou batata-doce, para quê ser necessário o pão? Mais uma vez, é uma questão de hábito e o primeiro passo é logo dizer que não ao balcão do restaurante. Pode crer que depois de o pão estar no tabuleiro é bem mais difícil resistir e por isso mesmo, ´proteja-se´, não o coloque ao pé do seu prato! Além disso, o consumo deste alimento também pode estar relacionado com a ´ansia´ de comer devido a estar com bastante fome. Assim sendo, como referido anteriormente, comece sempre pela sopa de legumes.

As fotografias em baixo são de almoços meus quando vou comer fora. Costumo sempre optar por sopa e depois normalmente uma salada (bem composta). Às vezes perguntam-se se como sopa porque normalmente tem batata. Sim, é verdade, mas todo o meu problema fosse a batata da sopa, quando comparado a sobremesas, doces e outros alimentos que por vezes fazem parte do vosso dia alimentar. A sopa controla-me muito a saciedade, o que significa que é minha ´amiga´e por isso como sempre!

Sabem como é que penso?! Se é para fazer uma ´asneira´ quero fazê-la a dar-me prazer: num dia em que estou relaxada, em que estou com amigos e família e que realmente valha a pena. Porque nos dias de trabalho, de correria, em que é almoçar e ir trabalhar, sinceramente acho que não dá prazer nenhum.

IMG_9082 (Editado).JPG

IMG_9080.JPGIMG_0426.JPG

 

Além disso, gosto muito mais de levar a marmita e saber o que vou comer, mas sei perfeitamente que por vezes o dia não corre como queremos e não é possível. Normalmente ando sempre de mochila por isso, para conseguir pôr tudo lá dentro antes de sair de casa, todos os snacks para durante o dia.

Põe-te na linha! Alimenta a tua saúde! #poetenalinha

, , ,

BOLO DE ALFARROBA NA TIGELA

Para quando queremos variar a nossa manhã e não temos muito tempo, aqui fica uma ideia. Tão fácil de fazer, que não dá trabalho nenhum e que sabe mesmo bem!

Ingredientes:

  • Farinha de espelta (2 colheres de sopa)
  • Farinha de alfarroba (1 colher de sopa)
  • Claras (50ml)

Modo de preparação e confeção:

  • Coloque a farinha de espelta, a farinha de alfarroba e misture;
  • Adicionar as claras e mexer tudo até ficar bem envolvido;
  • Colocar no microondas cerca de 2 a 3 minutos e ver se ficou cozinhado. Senão, volte a colocar mais 1 a 2 minutos.
  • Sirvam a vossa gosto. Quando me apetece qualquer coisa mais doce, acabo por juntar um bocadinho de manteiga de amendoim.

Espero que gostem, que experimentem e que partilhem!

Põe-te na linha! Alimenta a tua saúde! #poetenalinha

, , ,

QUICHE DE FRANGO COM BASE DE ABÓBORA

Aqui está a receita da mega QUICHE com base de abóbora, que vou querer que experimentem! Super fácil de fazer e que pode ser uma ideia para as vossas refeições principais!

Ingredientes:

  • Abóbora cozida (240g)
  • Farinha de milho (70g)
  • Frango cozido (200g)
  • Queijo quark (200g de quark)
  • Ovo inteiro (1)
  • Claras (80ml)
  • Cenoura (2)
  • Cebola (1)
  • Espinafres (2 mãos)
  • Ervas aromáticas (1 colher de sopa)
  • Pimenta preta q.b
  • Sal q.b

Modo de preparação e confeção:

  • Comece por cozer a abóbora e triture num processador de alimentos.
  • Numa tigela junte a farinha de milho e misture até ficar bem envolvido.
  • Triture o frango e as cenouras num processador de alimentos.
  • Numa tigela junte a o frango triturada, as cenouras, os espinafres, a cebola, as ervas aromáticas, pimenta e sal. Misture bem até envolver.
  • Junte os ovos, o queijo quark e as claras, envolvendo até ficar uma mistura homogénea.
  • Disponha numa tarteira de ir ao forno papel vegetal e coloque a massa até cobrir a base a as laterais.
  • Disponha o preparado por cima e espalhe até ficar cobrir a tarteira.
  • Coloque no forno pré-aquecido durante cerca de 30 minutos, a uma temperatura de 180ºC até cozinhar.

Espero que gostem, que experimentem e que partilhem! Depois é só empratarem ao vosso gosto e voilá… deliciem-se 🙂

 

Põe-te na linha! Alimenta a tua saúde! #poetenalinha

 

, , ,

Omelete de microondas

Para quem muitas vezes não tem tempo para preparar o almoço ou o jantar, aqui fica uma solução bem prática, uma vez que é feito no momento! Super fácil de fazer, com ingredientes que podemos ter sempre em casa, e que não dá trabalho nenhum.

Ingredientes:

  • Ovos (3)
  • Atum em água (1 lata)
  • Tomate Cherry (a gosto)
  • Leite magro (1 colher por cada ovo)
  • Oregãos q.b

Modo de Preparação e Confeção:

  • Bata os ovos num recipiente apropriado (pirex) para ir ao micro-ondas;
  • Adicione as colheres de sopa de leite magro;
  • Junte o atum e os tomates cherry;
  • Tempere com orégãos;
  • Leve ao micro-ondas por 4/5 minutos;
  • Verifique no final se ainda tem partes liquidas e caso tenha, leve ao micro-ondas mais um dois minutos.

Depois é só empratar ao vosso gosto! 🙂

 

Põe-te na linha! Alimenta a tua saúde!

, , , ,

BOLO DE BETERRABA

 

Mais uma receita para vocês experimentarem! Espero que gostem e que experimentem! É uma forma de utilizar legumes às nossas refeições sem ser nas refeições principais, fazendo-o também aos lanches 🙂

Ingredientes:

  • Farinha de aveia (200g)
  • Beterraba (380g)
  • Banana madura (2)
  • Água morna (300ml)
  • Ovo (1)
  • Azeite (1 colher de sopa)
  • Fermento (1 colher de café)
  • Bicarbonato de sódio (1 colher de sopa)

Modo de preparação e confecção:

  • Pré-aqueça o forno a 180ºC.
  • Numa tigela coloque a farinha de aveia.
  • Coloque as beterrabas no processador de alimentos e triture, e junte à farinha de aveia.
  • Esmague as bananas maduras ou triture, e junte ao preparado anterior.
  • Devagar, junte a água morna e mexa, até envolver bem.
  • Junte o ovo, o azeite, o fermento e o bicarbonato de sódio, e envolva até ficar uma mistura homogénea.
  • Coloque na forma de silicone e leve ao forno cerca de 30 a 45 minutos.

Depois é só empratar ao vosso gosto, que os olhos também comem! 🙂

Espero que gostem, que comentem e que partilhem!
Põe-te na linha! Alimenta a tua saúde! #poetenalinha

 

 

, , ,

Strogonoff de Frango

Ingredientes:

  • Peito de frango (500g)
  • Tomate (1)
  • Cebola (1)
  • Queijo quark (200g)
  • Alho (2 dentes)
  • Pimenta preta q.b
  • Sal q.b

Modo de preparação e confeção:

  • Comece por refogar a cebola, o alho, a pimenta preta, o sal e o tomate numa frigideira com 1 colher de sopa de azeite (costumo adicionar água para não fritar).
  • Cortar o peito de frango aos cubos e juntar na frigideira, deixando cozinhar.
  • Depois de o frango estar pronto, ainda em lume brando, colocar o queijo quark e mexer até envolver bem.

 

Depois é só guardarem ou empratarem ao vosso gosto! 🙂

Põe-te na linha! Alimenta a tua saúde! #poetenalinha

, , ,

Ovo escalfado com atum e legumes

Mais uma receita para vocês experimentarem, principalmente num dia de muito trabalho e sem tempo (ou paciência) para cozinharem. Esta receita fi-la num dia de consultas até às 21h00, o que muitas vezes significa uma fomeeeee gigante ? E para que saibam como funciono nestes dias, saí do consultório a pensar que me apetecia comer este mundo e o outro (sim, também me acontece ?). Entrei no carro e pensei de forma consciente, comecei a pensar no que jantar! Cheguei a casa e aqueci logo um balde de sopa e coloquei logo uma lata de atum na frigideira! Juntei cebola, alho, espinafres, coentros, azeite e pimento. Deixei refogar e juntei por fim batata-doce e brócolos que já estavam cozidos do dia anterior… Por fim, um ovo! Que jeito que dá ter atum em lata e legumes congelados e/ou prontos a consumir… Nestes dias é fundamental para conseguir manter a alimentação que tanto quero ?? Sai um jantar mega saudável, super fácil de fazer e rápido!

Passemos então à receita:

Ingredientes:

  • Atum ao natural (1 lata)
  • Ovo (1)
  • Cebola (1/2)
  • Brócolos cozidos (a gosto)
  • Batata-doce cozida (1/2 grande)
  • Espinafres (1 mão)
  • Pimento (1/2)
  • Alho q.b
  • Coentros q.b
  • Azeite (1 colher de sopa)

Modo de preparação e confeção:

  • Comece por colocar a lata de atum na frigideira com o azeite e um  pouco de água (para não fritar);
  • Junte a cebola (aos bocadinhos), o pimento (aos cubos), os espinafres, o alho e vá mexendo até refogar;
  • Junte a batata-doce e os brócolos já cozinhados e envolva bem;
  • Por fim, coloque um ovo por cima do preparado e coloque uma tampa por cima deixando cozinhar.

Espero que tenham gostado, que experimentem e que partilhem! 🙂

Põe-te na linha! Alimenta a tua saúde!

, , , ,

Omelete de claras com peru e tomate

Uma receita que podem experimentar e que acho que vão gostar! Bem simples e muito fácil de fazer 🙂

Ingredientes:

  • Claras (100ml) – deixo aqui em imagem um exemplo de claras que podem utilizar
  • Peru desfiado (30g)
  • Tomate (1/2)
  • Orégãos q.b

 

Modo de preparação e confeção:

  • Numa tigela bata as claras com um garfo até que elas fiquem “fofas”
  • Acrescente o peru, o tomate, o sal e os orégãos e misture bem todos os ingredientes.
  • Numa frigideira antiaderente bem quente, coloque a mistura anterior
  • Coloque o lume baixo e tampe a frigideira por cerca de 5 minutos. Após 5 minutos, verifique se está firme para virar com o auxílio de uma espátula.
  • Deixe cozinhar até ficar pronto, cerca de 3 minutos.

Põe-te na linha! Alimenta a tua saúde! #poetenalinha

, , ,

Bolo de cenoura

Uma receita bem fácil de fazer e para quem quer experimentar um bolo de cenoura fit ahah 🙂 Podem fazer em maior quantidade e colocar em formas pequenas para ficar como em queques, para dar para durante a semana 🙂  Que vos parece?

E como sabem, sou fã de loiças e tento sempre que o empratamento fique de ´comer e chorar e por mais´. Deixo aqui alguns exemplos que são mesmo a minha cara (e que podem ser a vossa ahah), e se carregarem têm acesso a mais do género para tirar ideias. Alguns deles estão em desconto, por isso, aproveitem ?

 

 

Ingredientes:

  • Flocos de aveia ou farinha de aveia (80g)
  • Farinha de arroz (80g)
  • Maçã cozida (4)
  • Bebida vegetal (50ml)
  • Ovos (3)
  • Cenouras cruas ou cozidas (3 | 450g)
  • Fermento (1 colher de sopa)
  • Bicarbonato de sódio (1 colher de sopa)
  • Azeite (2 colheres de sopa)
  • Canela a gosto
  • Opcional (para os mais gulosos): Açúcar de coco (2 colheres de sopa)

 

Modo de preparação e confecção:

  • Coloque as cenouras no processador de alimentos e triture.
  • Junte as maçãs, a bebida vegetal, as gemas de ovo, o fermento, o bicarbonato de sódio, o azeite e a canela e misture tudo no processador.
  • Adicione a farinha e envolva até ficar uma mistura homogénea.
  • Numa tigela bata as claras de ovo e depois envolva com o preparado anterior.
  • Leve ao forno cerca de 30 a 45 minutos.

Cobertura de chocolate:

  • Derreta uma fila de chocolate negro com cerca de 50ml de bebida vegetal e coloque por cima do bolo.

Espero que gostem, que comentem e que partilhem! ?

Põe-te na linha! Alimenta a tua saúde! #poetenalinha

, , , ,

Panquecas de Frutos Vermelhos

Sai mais uma receita de panquecas, desta vez de frutos vermelhos! Para quem gosta de variar as suas receitas, é uma boa sugestão!

Não se esqueçam que se quiserem estar sempre atentos ao que publico é só subscreverem as notificações do site, na campainha que encontram em baixo do lado direito. Para receberem por email, no final da publicação comentem e coloquem uma cruz em ´notificar-me por email´ ?

Ingredientes:

  • Frutos vermelhos (1 chávena | 280g)
  • Farinha de arroz (80g)
  • Flocos de aveia (80g)
  • Ovos inteiros (2)

Modo de preparação e confeção:

  • Coloque no liquidificador a farinha de arroz, os frutos vermelhos e os ovos, triturando até obter uma mistura homogénea;
  • Junte os flocos de aveia e ligue o liquidificador apenas para envolver os flocos de aveia, de forma a não triturar por completo;
  • Aqueça bem uma frigideira anti-aderente e coloque uma colher de sopa do preparado anterior.
  • Quando começar a formar bolhas à superfície, vire do outro lado até ficar pronto.

 

Espero que gostem, que comentem e que partilhem! 🙂

Põe-te na linha! Alimenta a tua saúde! #poetenalinha