Search
Close this search box.

4 mitos que não deixam de ser mitos – parte I

Eu e as meninas da minha equipa fizemos um direto no Instagram (aqui), para desmistificar alguns dos mitos mais “enraizados” da área da nutrição. Se já me acompanha há algum tempo, sabe que não sou nada fundamentalista relativamente à alimentação e que gosto de #descomplicar. E por isto mesmo, decidimos clarificar alguns deles.

Hoje, vamos desmistificar 4 mitos que podem estar a dificultar a sua alimentação, sem se aperceber:

  • Comer fruta à noite leva ao ganho de peso: o nosso organismo não consegue distinguir as horas a que comemos fruta. Por isso, o mais importante é que a fruta faça parte da sua alimentação diária, seja durante a manhã, a tarde ou até à noite. Às vezes privamo-nos de comer fruta e depois acabamos por optar por alimentos menos interessantes do ponto de vista nutricional (ex.: chocolate ou bolachas).

 

  • Beber água às refeições “engorda”: é caso para dizer… Se todos os problemas fossem a água! A água é fundamental para se manter hidratado e aliado a isso, ainda auxilia na regulação do trânsito intestinal. É benéfica quer seja antes, durante ou após as refeições. Beber água antes das refeições até pode auxiliar na sensação de saciedade, ou seja, poderá sentir-se mais saciado e ter um maior controlo nas quantidades ingeridas do prato principal.

 

  • O azeite não “engorda”: se me questionarem o que é melhor – azeite ou óleo de coco – eu respondo que é o azeite. E isto porquê? Porque o azeite apresenta na sua constituição gordura polinsaturada e monoinsaturada (“gorduras boas”) e o óleo de coco já tem maiores quantidades de gordura saturada (a gordura que devemos evitar). Mas quer isto dizer que podemos “usar e abusar” do azeite? Claro que não, porque não deixa de ser uma gordura e deve ser utilizado com moderação. Uma estratégia que pode utilizar para quantificar o azeite, poderá ser a utilização de colheres de sopa.

 

  • A cenoura ajuda a ver melhor à noite: a cenoura é realmente rica em vitamina A, vitamina esta que é muito importante para a melhoria da saúde ocular. Mas, não quer isto dizer que ajude a ver melhor durante o período noturno e é de referir que não existe nenhuma evidência científica que o comprove.

 

Como já partilhei, também eu passei por uma fase de excesso de peso, em que, achava que para o perder tinha de deixar de comer certos alimentos ou fazer dietas muito restritivas. Até que, ao mudar o meu estilo de vida, com uma alimentação saudável e equilibrada, consegui atingir os meus objetivos. Se se identitica ou está a passar pela mesma situação, junte-se a nós na Masterclass que vou dar já no próximo dia 7 de março às 21h00.

Por vezes, são mitos já muito “enraizados” na sociedade e acabam por ser difíceis de desmistificar, mas espero que se sinta mais clarificada. Como no nosso direto, falamos sobre outros mitos que não queremos deixar de partilhar consigo, vamos deixar outro artigo com a parte 2. 

Um feliz dia de Carnaval! 

As nossas consultas de nutrição, com o passo a passo, para conseguires perder o peso que tanto desejas, onde vais aprender as estratégias práticas fundamentais para o teu sucesso, tendo em consideração a realidade do teu dia-a-dia.

 

Clica em saber mais e marca a tua consulta!

Subscreva o Blog via Email

Introduza o seu email para subscrever o blog e receber notificações de novos posts por e-mail.

Ebooks

Os mais vistos

Subscreve a Newsletter

Segue-me

Instagram

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *