Search
Close this search box.

7 dicas para pôr em prática nos jantares de dezembro

Durante este mês surgem muito estas questões tais como: “Mas como é que posso evitar os erros alimentares? Que estratégias poderei utilizar? Como é que consigo manter o peso nesta altura? Engordo sempre no natal, o que é que posso fazer? Por isso mesmo, hoje partilhamos 7 estratégias para aplicar durante todo o mês e que o vai ajudar a manter o seu peso.

Perder peso é uma dificuldade para si? Ou quer simplesmente melhorar os seus hábitos alimentares? Pode marcar a sua consulta de nutrição aqui

  • Fazer todas as refeições diariamente, sem haver necessidade de pensar que deverá falhar uma delas para comer livremente mais tarde num jantar ou convívio de natal. Se fizer sentido, faça uma refeição leve antes de ir para o compromisso, para que garanta que chega ao jantar sem a sensação de fome, o que poderia facilmente ser o motivo para cometer exageros. Experimente comer uma sopa, 1 peça de fruta, cenoura aos palitos, frutos gordos ou bolachas de arroz acompanhadas com um queijinho.

 

  • Garantir o consumo de hortícolas, iniciando a refeição com um prato de sopa de legumes. Além disso, no prato principal, preencha metade com hortícolas. Por norma nos restaurantes, a quantidade de legumes ou salada colocada nos pratos não corresponde ao que deveria ser na realidade, pelo que pode pedir para aumentar a dose de legumes e reduzir a dose de arroz/massa/batata do prato. Se o prato incluir batatas e arroz, opte por escolher apenas um.

 

  • Se o evento tiver lugar num restaurante com buffet, experimente colocar tudo o que irá consumir num único prato. Além disso, escolha o que realmente gosta em vez de querer provar de tudo. Temos tendência a consumir uma maior quantidade neste tipo de restaurantes, mas também é possível fazer refeições saudáveis, se fizermos escolhas alimentares equilibradas. Se for possível efetuar a seleção, dê preferência a pratos planos, de tamanho normal.

 

  • Começar pela fruta: Opte por começar por uma fruta doce e caso lhe apeteça, tente então escolher a sobremesa que mais gosta. Se tiver mais que um jantar durante a semana, tente fazer escolhas e não consumir uma sobremesa em todos esses jantares. Ou seja, pense em que dia é que lhe apetece “estar mais à vontade” e nos restantes, experimente comer uma salada de frutas cheia de sabor e de cor.

 

  • Privilegiar a água, não somente para acompanhar a refeição, mas em todos os restantes momentos. O consumo de bebidas alcoólicas deverá ser limitado, especialmente por se tratarem de calorias “vazias”, sem nos fornecerem qualquer tipo de nutriente. No entanto, também há espaço para incluir este tipo de bebidas, desde que de forma equilibrada e consciente. Uma sugestão passa por escolher em que dia é que faz mais sentido incluir estas bebidas e nos restantes, preferir a água ou até um sumo natural, para sentir que bebe algo de diferente.

 

  • Não esquecer a rotina de exercício físico: Para que se torne mais fácil e para que seja menos provável falhar, procure um colega, amigo ou familiar para a/o acompanhar. Se deixar os seus hábitos de atividade física, seguramente terá mais dificuldades em regressar posteriormente. Sem dúvida que qualquer tipo de atividade é mais benéfico que nenhum, e por isso mesmo, valorize tudo o que faz. Muito para além de “queimar os excessos” cometidos, deve focar-se no bem-estar físico e mental que a atividade física lhe proporciona.

 

  • Manter o seu padrão alimentar: Não deve restringir a sua alimentação para “compensar” o que comeu de forma exagerada, como não deverá prolongar o modo “festa” e praticar o conceito de “perdido por cem, perdido por mil”. O importante é regressar aos seus hábitos e rotina diária, começando o dia com um pequeno-almoço equilibrado, levando a lancheira para o trabalho, iniciar a refeição principal com uma sopa de legumes etc.

 

As estratégias anteriores parecem bastante simples e não aparentam ser novidade, mas a questão que realmente importa é: Já alguma vez tentou mesmo pô-las em prática? Escreva em comentários qual a sua maior dificuldade nesta altura. 

As nossas consultas de nutrição, com o passo a passo, para conseguires perder o peso que tanto desejas, onde vais aprender as estratégias práticas fundamentais para o teu sucesso, tendo em consideração a realidade do teu dia-a-dia.

 

Clica em saber mais e marca a tua consulta!

Subscreva o Blog via Email

Introduza o seu email para subscrever o blog e receber notificações de novos posts por e-mail.

Ebooks

Os mais vistos

Subscreve a Newsletter

Segue-me

Instagram

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *